DESTAQUE

Origem de antiga ferramenta de jade confunde cientistas e abre incógnita

Por
30 de Janeiro de 2012
Fotografia composta da frente e verso do utensílio, apresentado com uma escala de centímetros
Créditos: Les O\'Neil/University of Otago

O achado de um utensílio feito de jade com aproximadamente 3.300 anos fez com que pesquisadores acabassem descobrindo também um manuscrito perdido do século 20 e um local geoquimicamente extraordinário. A ferramenta de pedra foi encontrada na ilha de Emirau, no Arquipélago de Bismarck (grupo de ilhas situado ao largo da costa da Nova Guiné), tem cinco centímetros e foi provavelmente usada para esculpir ou arrancar madeira. Parece ter caído de uma palafita, construída em um emaranhado de recife de coral, que pode ter sido eventualmente coberto por areia movediça.

A ferramenta de jade pode ter sido criada pela população Lalita, que apareceu no oeste do Pacífico cerca de 3,3 mil anos atrás e então se espalhou do Pacífico para Samoa em algumas centenas de anos, formando uma sociedade ancestral que conhecemos como polinésios. Utensílios de jade e machados já foram encontradas na região, mas a importância deste em especial é o tipo de jade com que ela foi feito: ele parece ter vindo de uma região distante. Talvez os Lapita tenham trazido a pedra de onde se originaram.

Jade é um termo geral para dois tipos de rocha dura – as feitas de jade jadeita e de outro grupo de jade nefrita. As pedras são de cor esverdeada, mas a jade nefrita é ligeiramente mais abundante, enquanto a jadeita é mais escassa, encontrada principalmente nas culturas da América Central e México antes da chegada dos europeus. No Pacífico, jadeita tão antiga quanto o artefato encontrado é conhecida apenas no Japão e na Coreia, nunca foi descrito nenhum registro arqueológico na Nova Guiné, local onde foi encontrada a ferramenta.

Pesquisadores do Museu Americano de História Natural estudaram o artefato com microdifração de raios X, em busca de estudar a estrutura atômica do objeto, e com isso, os minerais dentro da rocha. A composição da rocha mineral varia de acordo com os produtos químicos que estão no chão quando ela se forma. O resultado é tão específico que pode identificar a origem das rochas.

crédito: R.L.M. Vissers/Utrecht University
R.L.M. Vissers/Utrecht University
Foto de amostras de rocha coletadas por C.E.A. Wichmann em 1898 no Rio Torare, na província Papua da Indonésia. Por empréstimo da Universidade de Utrecht, a rocha é considerada como uma ligação para o artefato de jade da ilha Emirau.

A jadeita na rocha descoberta é diferente do tipo encontrado no Japão e na Coreia na época. Faltam certos elementos e outros têm quantidades a mais do que o esperado, portanto, a pedra veio de outra fonte geológica, mas os pesquisadores não têm certeza de onde. A única combinação química como essa que conheciam estava em uma área do México.

Os cientistas não acham provável que pessoas do período Neolítico, que viveram milhares de anos atrás, tenham transportado pedras através do Pacífico, mas não conseguiram encontrar outra explicação para a composição da ferramenta. Bem, até se depararem com um manuscrito alemão do século 20, não publicado.

O autor do manuscrito, C. E. A. Wichmann (1851-1927), coletou algumas curiosas rochas na Indonésia em 1903 – cerca 5.000 km do local onde a ferramenta de jade foi encontrada – e as propriedades químicas de seus achados foram relatadas como muito semelhantes a da ferramenta recém descoberta. Os pesquisadores estão agora investigando essas amostras para ver se as técnicas modernas podem provar que veio da Indonésia.

Os estudiosos afirmam que se a fonte de jade jadeita for encontrada, "seria algo geoquimicamente extraordinário".
Leia também:

Civilização extinta da Amazônia deixou linhas cavadas na terra

Raro mineral lunar foi encontrado na Austrália

Rocha de origem extraterrestre descoberta por pesquisadores


Museu de Israel coloca na Internet os Manuscritos do Mar Morto


Ruínas que recordam as Linhas de Nazca foram localizadas na Arábia Saudita

70 livros de metal encontrados em caverna na Jordânia

Escavações geológicas do Mar Morto revelarão segredos do passado


Conheça alguns documentários da Videoteca UFO relacionados ao assunto, basta clicar sobre os títulos para acessar detalhes e descrição

crédito: Biblioteca UFO
Afinal, o que significam os sinais nas plantações? Um aviso ou contato? Saiba agora mesmo adquirindo a promoção especial do Shopping UFO. Seriam os agroglifos algum alerta à humanidade por parte de outras civilizações cósmicas? Ou uma tentativa de contato amistoso? E qual seria sua relação com o extinto povo maia? Saiba a resposta através destes três DVDs exclusivos e premiados internacionalmente
Afinal, o que significam os sinais nas plantações? Um aviso ou contato? Saiba agora mesmo adquirindo a promoção especial do Shopping UFO. Seriam os agroglifos algum alerta à humanidade por parte de outras civilizações cósmicas? Ou uma tentativa de contato amistoso? E qual seria sua relação com o extinto povo maia? Saiba a resposta através destes três DVDs exclusivos e premiados internacionalmente

Mensagens Cósmicas (2008)

Os Círculos Ingleses e o Calendário Maia (2009)

Afinal, O Que Se Passa? (2009)


A Revista UFO tem o prazer de apresentar os DVDs da série Alienígenas no Passado, exibida pelo The History Channel. Mas com uma grande novidade: estes são os episódios inteiros e sem cortes, fornecidos diretamente pelo produtor:

crédito: Rafael Amorim
Série Alienígenas no Passado, inteiros e sem corte, fornecidos diretamente pela produção
Série Alienígenas no Passado, inteiros e sem cortes, fornecidos diretamente pela produção


DVE-033 As Evidências

DVE-034 Os Visitantes

DVE-035 A Missão

DVE-036
Os Contatos

DVE-037
O Retorno


Conheça alguns dos lançamentos da Videoteca UFO, clique sobre os títulos, acesse as descrições e detalhes:

crédito: Videoteca UFO
Documentários exclusivos e legendados
Documentários exclusivos e legendados

UFOs: Evidências Definitivas

Vai muito além do básico e apresenta revelações inéditas sobre o avistamento múltiplo de naves alienígenas sobre a Base de Lançamento de Mísseis de Malmstrom, em Montana, onde danificaram as ogivas nucleares ali instaladas. Além de fantásticas ocorrências de objetos submarinos não identificados (OSNIs) na costa americana e casos que mudaram a história da humanidade

No Rastro dos Deuses - Coleção Descobrindo o Peru (II)

É o segundo episódio da referida e premiada coleção, um documentário fascinante que mostra a aventura de pesquisadores italianos que mergulharam na complexa história do Império Inca para confirmar se sua sabedoria realmente tem origem alienígena, e chegam a espantosas conclusões.

UFOs Aqui, Agora

Reúne testemunhas ufológicas de inquestionável credibilidade, como o coronel Charles Halt, que viu um UFO aterrissado na Base Aérea de Bentwaters; o governador do Arizona Fife Symington; o piloto de caça Oscar Santa Maria, que perseguiu um disco voador no Peru; o general da Força Aérea Francesa Denis Letty; e o porta-voz da Casa Branca nos governos Clinton e Obama John Podesta. Além de pesquisadores, astronautas, pilotos e celebridades.
Veja nossos pacotes promocional com grande desconto

Já está no ar a Edição 61 da Revista UFO. Aproveite!

Dezembro de 2011

Uma casuística rica e diversificada, que atrai a atenção de todo o planeta