Edição deste mês

A desconcertante casuística polonesa

A foto que ilustra esta página é bem conhecida dos ufólogos. Trata-se de um falso UFO produzido por um aplicativo de celular. Imagens como esta, em diferentes cenários, inundaram a internet recentemente. Mas ela representa muito bem um dos inúmeros e espetaculares casos ufológicos que constam dos registros do ufólogo Piotr Cielebias, o número um da Polônia e um dos mais bem informados pesquisadores do mundo. Ele é bacharel em ciências políticas e mestre em história — e a de seu país ele conhece como ninguém. Cielebias teve seu livro UFOs na Polônia recentemente publicado pela Biblioteca UFO, e seu conteúdo causou tanta perplexidade aos leitores, pela contundência e grandiosidade dos acontecimentos ufológicos que descreve, que reproduzimos alguns nesta edição.

Edição 259 | Julho de 2018


Veja nossas edições anteriores

Últimas Notícias

Incidente de Shag Harbour será investigado pela família Cousteau

12 de Julho de 2018

Cientista brasileiro assina artigo apontando a possibilidade de vida em planeta próximo

11 de Julho de 2018

Novos agroglifos surgiram em Wiltshire dentro da intensa onda inglesa de 2018

11 de Julho de 2018

Dois exoplanetas reúnem melhores condições para a vida do que antes se considerava

10 de Julho de 2018

Prossegue o mistério sobre a alegada base alienígena em Dulce

10 de Julho de 2018

Grandes Ofertas Exclusivas da revista UFO


Artigos em destaque em nossas últimas edições


Ofertas da Livraria UFO


Entrevistas

A verdade sobre a pesquisa ufológica oficial no Peru e no continente

Queda de discos voadores na Amazônia Peruana, ocultamento de informações e infiltração de agentes do governo norte-americano, formação de seitas ufológicas e grupo Rama, cosmovisão andina e outros temas são tratados pelo entrevistado.

Por A. J. Gevaerd | Edição 210 | Abril de 2014

Casos de abdução revelam que há um cataclismo a caminho da Terra

Pessoas no mundo inteiro podem ter sido abduzidas. Sofrem com crises de pânico, ansiedade e outros transtornos. Passam anos indo a médicos e tomando remédios. Já passamos da hora de ver a ciência estudando o fenômeno para que possamos entendê-lo.

Por Thiago Luiz Ticchetti | Edição 243 | Fevereiro de 2017


Ofertas da Biblioteca UFO


Galerias de Fotos


Documentários indicados pela revista UFO


Ofertas da Videoteca UFO


Humor


Interaja com a UFO

Grupo no WhatsApp

Clique e participe do debate ufológico WhatsApp - Grupo Revista UFO

Contato: (51) 98187-4753

Fale com o editor

Envie e-mail para o editor com sua dúvida, comentário, crítica ou sugestão.

Enviar e-mail

Filie-se