DESTAQUE

Depois de 21 anos, os Clintons voltam à atenção da Ufologia Mundial

Por
10 de Março de 2016
O casal Hillary e Bill Clinton, em recente foto da campanha dela à presidência; desde os anos 90 envolvidos com a questão ufológica
Créditos: Arquivo

Entre 1993 e 1996, o bilionário e filantropo Laurence Rochefeller (26/05/1910-11/07/2004) realizou esforços no sentido de obter, do governo norte-americano, a liberação de todos os documentos relacionados a UFOs e vida extraterrestre. Chamada de Iniciativa Rockefeller, a tentativa não foi bem sucedida, apesar do clima aparentemente favorável em que foi recebida pela Casa Branca. Eram os anos do governo Bill Clinton, de 1993 a 2001. A família Rockefeller era considerada uma das mais importantes da história dos Estados Unidos, tendo feito fortuna nos ramos de petróleo e bancário.

Em agosto de 1995, Rockefeller recebeu os Clintons em seu rancho, em Jackson Hole, Wyoming, e lhes apresentou um sumário de informações sobre UFOs, e o que ele gostaria que o então presidente fizesse a respeito. Hillary ainda foi fotografada em conversa com o bilionário durante uma caminhada, carregando um livro que foi identificado como Are We Alone: Philosophical Implications of the Discovery of Extra-terrestrial Life (Estamos Sozinhos: Implicações Filosóficas da Descoberta de Vida Extraterrestre), de autoria do físico inglês Paul Davies, frequente presença em programas e documentários a respeito da busca científica por vida alienígena.

O pesquisador Grant Cameron, acionando a Lei de Liberdade de Informações norte-americana, conseguiu obter documentos, entregues ao grupo Paradigm Researcher Group, de stephen Bassett, revelam como Bill e Hillary estiveram diretamente envolvidos com a Iniciativa. Também mencionado nos documentos estava John "Jack" Gibbons, diretor do Escritório da Casa Branca para Políticas de Ciência e Tecnologia. Há notícias até mesmo de um alerta, enviado a Gibbons, de que Rockefeller ameaçava publicar uma carta aberta, nos principais jornais dos Estados Unidos, relatando sua iniciativa e o contato que tiveram caso Clinton não liberasse documentação ufológica. Bill Clinton, durante seu governo, publicou milhões de arquivos militares e da Inteligência, mas não sobre UFOs. Em diversas entrevistas, inclusive recentes, o ex-presidente confirma seu interesse na questão ufológica e sua frustração por não ter obtido as respostas que pretendia.

HILLARY CLINTON ATIVAMENTE ENVOLVIDA EM INICIATIVA DE LIBERDADE DE INFORMAÇÕES NOS ANOS 90

crédito: Express.co.uk
Hillary Clinton com Rockefeller, no rancho deste último em 1995
Hillary Clinton com Rockefeller, no rancho deste último em 1995

Os documentos também revelam que a Iniciativa Rockefeller foi deixada de lado em 1996 durante a campanha para reeleição de Bill Clinton. E dois dos documentos comprovam que Hillary teve ativa participação na eloraboração de uma longa carta, que tinha o objetivo final de obter do governo a liberação total de documentos ufológicos. Esboços do documento eram enviados da equipe de Rockefeller para o presidente ou seus assessores, e de volta para o bilionário, e a então primeira-dama teve ativa participação nas negociações. Sabe-se que hillary teve ao menos algumas discussões com Rockefeller antes que o primeiro esboço fosse enviado a seu marido. Doze semanas após a estadia do casal presidencial no rancho do bilionário, John Gibbons recebeu uma carta conforme aparece nas imagens abaixo. O papel continha um esboço da carta discutida com Bill Clinton, e um relatório com a melhor evidência então disponível sobre UFOs.

crédito: Express.co.uk
Detalhe da foto acima, mostrando o livro Are We Alone de Paul Davis levado por Hillary Clinton
Detalhe da foto acima, mostrando o livro Are We Alone de Paul Davies levado por Hillary Clinton

Em outra carta, de fevereiro de 1996, Rockefeller dizia a Gibbons que a carta oficial e o relatório ainda estavam sendo elaborados, e seriam enviados no final daquele ano. Gibbons teria indicado que manteria o escritório da primeira-dama informado sobre tudo, porém a carta oficial nunca foi enviada, e se desconhecem até hoje as razões de a Iniciativa Rockefeller ter falhado. O bilionário apontava indícios de que várias agências do governo norte-americano possuíam informações sobre UFOs e vida alienígena, que de acordo com ele era mantida de forma desnecessária em segredo do público, por razões de segurança nacional. Rockefeller defendia ainda que sem a iniciativa pessoal do presidente nenhuma informação seria revelada, e que a abertura deveria ser coordenada com os militares, a NASA e a CIA, e que qualquer oficial que revelasse tais informações deveria ser anistiado. Com as recentes declarações de Hillary Clinton, atualmente a favorida para ser candidata do Partido Democrata à presidência, e o principal nome de sua campanha, John Podesta, a favor da liberdade de informações ufológicas, a Ufologia Mundial aguarda os próximos passos dessa já longa história.

crédito: Express.co.uk
Detalhe de uma das cartas de Rockefeller
Detalhe de uma das cartas de Rockefeller

Site do Paradigm Research Group

Descrição da Iniciativa Rockefeller e a documentação disponível a respeito

Brasil e América do Sul nas Audiências Públicas sobre Abertura

Declaração final das Audiências Públicas sobre Abertura

Grupo PRG apresenta carta aberta a Hillary Clinton

CIA libera documentos ufológicos

Hillary Clinton promete liberar informações sobre UFOs

John Podesta afirma que convenceu Hillary Clinton a liberar arquivos ufológicos

Saiba mais:

Livro: Quedas de UFOs II

crédito: Revista UFO
Quedas de UFOs II
Quedas de UFOs II

Já sabemos que os polêmicos discos voadores são espaçonaves procedentes de planetas mais desenvolvidos do universo, construídos por civilizações extraterrestres com o emprego de uma tecnologia ainda desconhecida e muito mais avançada do que a nossa. Mas, apesar de tamanho avanço tecnológico, estas máquinas parecem não ser infalíveis e em diversas situações já foram vistas apresentando defeitos durante seu voo e até mesmo acidentando-se em solo terrestre, levando à morte seus ocupantes alienígenas. Este livro é a segunda edição do trabalho do coeditor da Revista UFO Thiago Luiz Ticchetti sobre tais impressionantes ocorrências.

DVD: A Um Passo da Revelação Final

Já está no ar a Edição 185 da Revista UFO. Aproveite!

Fevereiro de 2012

Se ainda havia quem duvidasse, eles voltaram!

UPDATED CACHE