DESTAQUE

Stanton Friedman em debate com o cético Philip Klass

Por
15 de Novembro de 2013
Stanton Friedman em um dos inúmeros congressos de que participou
Créditos: Arquivo

O engenheiro e jornalista Philip Klass foi um dos mais aguerridos negadores do Fenômeno UFO, contra o qual debateram diversos pesquisadores norte-americanos. Em 24 de junho de 1987 ele participou do programa Nightline da rede ABC, apresentado por Ted Koppel, juntamente com o físico nuclear e ufólogo Stanton Friedman.

Friedman, que estará no Brasil na próxima semana, como um dos conferencistas do V Fórum Mundial de Ufologia (II UFOZ 2013), em Foz do Iguaçu, descreveu os acontecimentos do programa em seu livro Flyings Saucers and Science (New Page Books, 2008):

Participei do Nightline com Ted Koppel junto a Philip Klass em 24 de junho de 1947, no quadragésimo aniversário do famoso avistamento de Kenneth Arnold de nove discos voadores, próximo ao Monte Rainier.Eu estava em Washington DC para o simpósio da MUFON, cujo tema era o acobertamento governamental.

Quando fomos ao estúdio eu levava vários documentos da NSA censurados para comprovar o acobertamento e não fui autorizado a apresentá-los. Sequer aceitaram meus argumentos. Então eles pediram que sentássemos a menos de um metro um do outro, mas não deveríamos nos olhar, disseram "olhe somente para a câmera". Forma estranha de discutir um tópico. Também aconteceu de que nunca encontramos Kopel e sequer o víamos em um monitor. Só o ouvíamos por fones de ouvido e não tivemos qualquer contato ou comunicação não verbal, expressões faciais, sorrisos, etc.


Assista abaixo a dois vídeos do programa Nightline, com Stanton Friedman e Philip Klass:







Físico nuclear canadense garante ter a resposta para as visitas de UFOs

Arquivos do FBI demonstram modo de atuação de céticos

Saiba mais:

Livro: UFOs: Arquivo Confidencial

DVD: Acidente em Roswell


crédito: Revista UFO
Acidente em Roswell
Acidente em Roswell

Saiba o que ocorre quando os UFOs caem com seus tripulantes. Toda a verdade sobre a queda de um disco voador no Novo México (EUA) e as manobras de acobertamento dos fatos. Este documentário mostra as investigações do Caso Roswell até hoje, e tem, como bônus, 22 minutos da famosa filmagem de um ser supostamente alienígena, mostrada ao mundo em 1995 – porém em sua versão integral e não editada.

Já está no ar a Edição 68 da Revista UFO. Aproveite!

Novembro de 2012

Estamos fazendo as perguntas certas?