DESTAQUE

Série ufológica do Canal Smithsonian acusada de acobertamento

Por
30 de Novembro de 2015
Cena de UFOs Declassified
Créditos: Smithsonian Channel

Robert Hastings, autor de UFOs and Nukes, lançado no Brasil como Terra Vigiada com exclusividade pela Revista UFO, acusou a série UFOs Declassified, produzida para o Smithsonian Channel, de acobertar o estudo dos UFOs. A série foi exibida em janeiro de 2015 e está atualmente sendo reprisada, e de acordo com o pesquisador aparenta abordar os dois lados da questão ufológica, mas a maior parte dos depoimentos são de céticos e negadores francamente contrários ao Fenômeno UFO.

Um dos episódios versa sobre o Caso Bentwaters e Hastings afirma ter sido procurado pela produção em 2013 para participar, o que recusou. Ele também alertou o coronel Charles Halt, principal testemunha do caso, que seguiu seu conselho. Hastings descreve como Halt ainda comentou saber muito bem que o Smithsonian Channel tem laços estreitos com a comunidade de Inteligência norte-americana. Robert afirma que é bem conhecido o fato de agentes governamentais usarem como suporte a mídia de massas, para desacreditar e suprimir informação sobre os UFOs.

É mencionado o livro The Missing Times, do falecido jornalista Terry Hansen, que descreveu como encontrou evidências a respeito. Um dos casos reportados é o da CBS TV, que seguia diretrizes da CIA, a Agência Central de Inteligência, para acobertar casos ufológicos. Hansen fala a respeito do programa UFOs: Friend, Foe or Fantasy, narrado por Walter Cronkite, parte da série de documentários CBS Reports. Cronkite diz no programa que todos os informes sobre UFOs se deviam a erros e enganos. Uma prova do esforço de acobertamento é uma carta de 1966 escrita pelo Dr. Thornton Page, membro do Painel Robertson, organismo destinado ao acoberamento de informações, recomendando a um membro da CIA que a CBS TV fosse orientada pelas conclusões do Painel Robertson.

ACUSAÇÕES PROSSEGUEM

Robert Hastings aponta a presença de contumazes negadores do Fenômeno UFO, como Seth Shostak do SETI e o ex-militar Tim Printy, que somente repetiram suas negativas a respeito do caso protagonizado por Charles Halt, ao mesmo tempo ignorando toda a documentação a respeito. Embora tenha a participação de pessoas do meio ufológico, como Nick Pope, Leslie Kean, Ben Hansen e outros, a produção de acordo com Hastings é orientada para desacreditar a Ufologia. O pesquisador lembra que por muito tempo o único livro disponível no Museu Nacional do Ar e Espaço da instituição era Watch the Skies! A Chronicle of the Flying Saucer Myth, de Curtis Peebles e baseado no posicionamento da Força Aérea Norte-Americana, de que os UFOs não existem.

Além disso, o pesquisador aponta que por muitos anos o diretor assistente do museu foi Frederick C. Durant III, o consultor da CIA responsável pelo Painel Robertson, realizado em 1953. Uma das recomendações deste era que os UFOs fossem desacreditados, sugerindo que a mídia poderia ter um papel fundamental nesse objetivo. Robert Hastings também aponta o livro, lançado pela Smithsonian Books, UFO Crash at Roswell: The Genesis of a Modern Myth, que igualmente acusa de ser uma peça meramente para desacreditar a pesquisa do famoso incidente ocorrido em 1947. O pesquisador termina dizendo que qualquer um que esperasse que a série UFOs Declassified apresentasse uma visão objetiva do Fenômeno UFO sairá muito desapontado.

Visite o site de Robert Hastings

Site de UFOs Declassified, do Smithsonian Channel

Assista ao episódio Red Alert de UFOs Declassified sobre o Caso Bentwaters

UFO observado sobre depósito de armas nucleares em 1982

UFOs sobrevoaram instalação atômica em 1945

Polêmica envolve Robert Hastings e a Mufon

Surgem novas evidências sobre Caso Bentwaters

UFOs apareceram em Bentwaters meses antes de caso principal

Saiba mais:

Livro: Terra Vigiada

crédito: Revista UFO
Terra Vigiada
Terra Vigiada

Terra Vigiada não é um livro comum, mas um verdadeiro dossiê fartamente documentado que comprova que inteligências extraterrestres observam e monitoram nossos arsenais atômicos. O livro contém dezenas de depoimentos prestados por militares norte-americanos que testemunharam a manifestação de discos voadores sobre áreas de testes nucleares, nas décadas de 40 a 70, comprovando que outras espécies cósmicas mantêm nossas atividades bélicas sob severa e contínua vigilância. Hastings vai mais além e mostra em Terra Vigiada que não é incomum discos voadores interferirem nos experimentos de lançamento, muitas vezes inutilizando as ogivas nucleares a serem detonadas, ou sobrevoarem silos de mísseis armados.

DVD: Aliens e a Casa Branca

Já está no ar a Edição 206 da Revista UFO. Aproveite!

Dezembro de 2013

Somos vigiados por seres extraterrestres?