DESTAQUE

Livro de James Carrion disponível gratuitamente online

Por
09 de Setembro de 2014
Entrada da sede da CIA, em Langley, estado norte-americano da Virgínia; a desinformação como arma
Créditos: Arquivo

The Rosetta Deception, novo livro do ex-diretor da MUFON James Carrion, causou grande polêmica no meio ufológico, sendo alvo de críticas do veterano Stanton Friedman. Um dos pontos controversos da obra é a descrição de como a Inteligência norte-americana plantou notícias na imprensa a fim de conseguir desvendar os códigos diplomáticos soviéticos no final dos anos 40. Algumas das notícias diziam respeito a aparições de objetos desconhecidos sobre os países escandinavos em 1946, que sempre foram atribuídas a UFOs.

James Carrion alerta que os ufológos devem conhecer mais a respeito dos métodos dos serviços de Inteligência, especialmente quanto à desinformação. Em The Rosetta Deception ele detalha claramente como, espalhando notícias falsas, norte-americanos e ingleses chamaram a atenção de Stalin, levando-o a acreditar no desenvolvimento de armas miraculosas por parte de seus inimigos. A intensificação da troca de mensagem entre o ditador soviético, seus diplomatas e espiões levou os serviços de Inteligência ocidentais a capturar tais mensagens e finalmente conseguir obter o código com que eram criptografadas.

Um dos fatos utilizados por norte-americanos para enganar o déspota soviético foi o projeto do Amerika Bomber, uma aeronave avançada desenhada pelo cientista austríaco Eugen Sänger. Em sua concepção esse veículo decolaria com um foguete até a borda do espaço e por meio de seu formato iria ricochetear várias vezes na atmosfera terrestre. Dessa maneira, de impulso em impulso, poderia percorrer distâncias intercontinentais e bombardear qualquer objetivo na superfície da Terra. As notícias plantadas na imprensa ocidental levaram Josef Stalin a crer que Estados Unidos e Inglaterra estavam desenvolvendo essa aeronave, o que levou os soviéticos a tentar, sem sucesso, sequestrar Sängen.

DESINFORMAÇÃO PREJUDICANDO A PESQUISA UFOLÓGICA

Entre os nomes ligados a esse projeto de enganar a cúpula soviética estão o do general Hoyt Vandenberg e o almirante Roscoe Hillenkoetter. Hillenkoetter foi o primeiro diretor da Agência Central de Inteligência (CIA), e Vandenberg o segundo, e ambos são mencionados nos ainda controversos documentos Majestic 12. Porém, o que tem incomodado alguns na Ufologia são as críticas de James Carrion, no tocante à atenção dispensada no meio ufológico a indivíduos de reputação duvidosa, e também no que enxerga como um esforço de manutenção do mistério, ao invés de buscar desvendá-lo. O ex-diretor da Mufon, agora com a disponibilidade online e gratuita de The Rosetta Deception, promete continuar a divulgar incômodas verdades.

Leia gratuitamente The Rosetta Deception, livro de James Carrion

Descrição do projeto Amerika Bomber, de Eugen Sänger

The Rosetta Deception pode ser adquirido no site Amazon

Novo livro de James Carrion causa polêmica

CIA desenvolveu VANTs na Área 51

Saiba mais:

Livro: UFOs: Arquivo Confidencial

crédito: Revista UFO
UFOs: Arquivo Confidencial
UFOs: Arquivo Confidencial

Saiba o que há por trás da política de acobertamento do Fenômeno UFO mantida por nossas autoridades. UFOs: Arquivo Confidencial - Um Mergulho na Ufologia Militar Brasileira expõe casos ufológicos de gravidade ocorridos no Brasil, que permanecem até hoje sob sigilo. O livro apresenta detalhes até então desconhecidos de como nossos militares conduziram investigações secretas de incidentes com naves alienígenas no país.

DVD: UFOs: Evidências Definitivas

Já está no ar a Edição 161 da Revista UFO. Aproveite!

Janeiro de 2010

Eles estão de volta, e ainda mais desafiadores