DESTAQUE

The New York Times fala sobre Hillary Clinton e os UFOs

Por
12 de Maio de 2016
Apesar das promessas, será improvável que Hillary Clinton, caso eleita, promova a abertura ufológica
Créditos: Arquivo

Repercutiu enormemente uma matéria publicada no jornal the New York Times no último 11 de maio, comentando as recentes declarações de Hillary Clinton, provável candidata do Partido Democrata para as eleições presidenciais nos Estados Unidos, marcadas para o próximo 08 de novembro. O artigo destaca todas as recentes declarações da ex-primeira dama e ex-secretária de estado durante a atual campanha, como por exemplo quando esteeve no programa Jimmy Kimmel Live e chamou o Fenômeno UFO de fenômeno aéreo inexplicável. Muitos vêem esse fato como uma tentativa de substituir um termo considerado em alguns círculos como pouco sério.

Joseph G. Buchman, que milita há muitos anos na defesa da abertura ufológica, afirmou: "Hillary abraça o assunto com um nível absolutamente sem precedente de interesse na política americana". Stephen Bassett, que comanda o grupo Paradigm Research Group (PRG), tem realizado uma campanha de envio de mensagens para congressistas e funcionários das principais instituições governamentais em Washington, e também se mostra otimista quanto às possibilidades de clinton de fato promover a abertura. A reportagem do Times ainda lembrou de todas as declarações de Hillary em entrevistas a vários veículos, como a intenção de liberar informações sobre a Área 51 e tudo que não for sensível à segurança nacional norte-americana.

A matéria também lembrou do longo interesse de seu principal líder de campanha, John Podesta, quanto ao assunto dos UFOs. Fã de ficção científica e do seriado Arquivo-X, ele também foi conselheiro de Barack Obama e comentou no Twitter, logo após deixar a função em 2014, que sua maior falha havia sido não ter conseguido a abertura ufológica. O Times afirma que em 1999 o tema da festa de 50 anos de Podesta foi o seriado dos agentes Mulder e Scully, com a presença do casal Bill e Hillary Clinton. Além disso o jornal destacou as conversas dos dois com o bilionário Laurance S. Rockefeller, em 1995, que igualmente militava pela liberdade de informações ufológicas.

DÚVIDAS QUANTO AO ALCANCE DA PROMETIDA ABERTURA

Porém, muitos são os que duvidam que algo substancial possa ser revelado caso Hillary Clinton seja eleita. Alguns defendem que o fato de o assunto estar, graças aos comentários da candidata, sendo comentado nos grandes meios de comunicação já representa uma vitória. Outros afirmam que os UFOs poderiam ser tema de um debate presidencial, como Christopher Mellon, ex-funcionário de Inteligência do Departamento de Defesa e do Comitê de Inteligência do Senado: "Não deveria ser fonte de embaraço discutir o assunto. Deveríamos ser humildes em reconhecer os limites extremos de nosso próprio entendimento da física e do universo". Já A. J. Gevaerd, editor da Revista UFO e amigo pessoal de Bassett e Bushman, lembra que é muito limitado o alcance do que o presidente dos Estados Unidos pode fazer por iniciativa própria. E os UFOs com certeza são assunto sensível quanto à segurança nacional, e portanto qualquer liberação debenderá da boa vontade do que militares e as empresas dos chamados black projects, altamente secretos, se disponham a revelar.

Visite o site do Paradigm Research Group

Confira um vídeo do The New York Times sobre o envolvimento de Hillary Clinton com os UFOs

A CNN também produziu uma reportagem a respeito

Bill Clinton fala sobre alienígenas e Área 51 em entrevista

John Podesta admite falha na liberação ufológica nos Estados Unidos

Hillary Clinton promete liberar informações sobre UFOs

John Podesta afirma que convenceu Hillary Clinton a liberar arquivos ufológicos

Depois de 21 anos, os Clintons voltam à atenção da Ufologia Mundial

Novamente o grupo PRG divulga carta aberta a Hillary Clinton

Hillary Clinton volta a falar sobre UFOs em entrevista

Hillary Clinton volta a afirmar que irá liberar arquivos ufológicos

Saiba mais:

Livro: Roswell: Novas Revelações

crédito: Revista UFO
Roswell: Novas Revelações
Roswell: Novas Revelações

O caso ufológico que dá origem a este livro é o mesmo que serviu de pretexto, quase sete décadas atrás, para a implantação da política governamental de acobertamento da presença alienígena na Terra. Foi imediatamente após a queda de um disco voador na cidade de Roswell, no meio do Deserto do Nevada, que as autoridades norte-americanas tomaram conhecimento de sua procedência extraterrestre e de sua elevada tecnologia. Roswell: Novas Revelações vai a fundo nesta questão e expõe todas as suas características com clareza, após décadas de pesquisas do autor e centenas de depoimentos de testemunhas civis e militares. Donald Schmitt é um dos maiores especialistas no Caso Roswell em todo o mundo. Foi diretor de investigações do Center for UFO Studies (CUFOS), fundado décadas atrás pelo pioneiro J. Allen Hynek.

DVD: Aliens e a Casa Branca

Já está no ar a Edição 208 da Revista UFO. Aproveite!

Fevereiro de 2014

Nova etapa, novos desafios