DESTAQUE

Stanton Friedman afirma que o desacobertamento está próximo

Por
15 de Maio de 2017
Stanton Friedman em sua apresentação no UFOZ 2013
Créditos: Revista UFO

Um dos maiores nomes da Ufologia Mundial, o físico nuclear Stanton Friedman trabalhou em diversos projetos secretos para o Departamento de Defesa norte-americano entre os anos 50 e 60, e foi o pesquisador que, em 1979, tornou a colocar o Caso Roswell sob os holofotes. Em um novo livro, We Are the Disclosure - Part I, do autor Miguel Mendonça, Friedman apresenta várias de suas opiniões, incluindo sua afirmação de que a verdade sobre o acobertamento global de informações sobre as visitas alienígenas à Terra logo será exposta.

Geógrafo, biólogo e especialista em energia sustentável, Miguel Mendonça também publicou contos de ficção científica em 2011, mesma época em que passou a estudar o problema ufológico. Ele assina o livro Meet the Hybrids ao lado de Barbara Lamb, um estudo sobre as vidas de oito alegados híbridos humanos e alienígenas que vivem na Terra. Em We Are the Disclosure ele apresenta o resultado de várias entrevistas com pessoas ligadas aos esforços, dentro da Ufologia Mundial, para encerrar a política global de acobertamento quanto às visitas extraterrestres ao nosso planeta. Um desses personagens é Stanton Friedman, que entre outras afirmações disse: "Há uma grande quantidade de evidências por todo o mundo, por parte de indivíduos respeitáveis e responsáveis cujo testemunho deve ser levado em conta".

Stanton Friedman acrescenta: "Não estamos sozinhos no Universo e isso incomoda algumas pessoas de grande fanatismo religioso. Esses fundamentalistas alegam que o único lugar no Universo onde existem seres pensantes e que se comunicam é a Terra, e que os UFOs são coisa do diabo, além de dizerem que a Terra foi criada em 4004 a.C. Isso está errado". Sobre o assunto dos UFOs, Friedman aponta que a política de ridicularização teve início muito cedo, patrocinada por instituições como a Agência Central de Inteligência (CIA). Ele diz: "Isso foi estabelecido pelo Painel Robertson, organizado pela CIA em 1953, quando recomendaram que fossem utilizadas as ferramentas de propaganda para persuadir as pessoas de que discos voadores e alienígenas não existiam".

EVIDÊNCIAS DO FIM DO ACOBERTAMENTO

crédito: Amazon
Capa de We Are the Disclosure - Part I
Capa de We Are the Disclosure - Part I

Porém, Stanton Friedman defende que esse esforço concentrado das últimas décadas está chegando ao fim. Mesmo com as autoridades dispostas a continuar essa política, ele aponta para evidências que apontam um movimento contrário: "Mais pessoas que tiveram acesso a essas informações estão dispostas a falar, parte por estarem envelhecendo, e parte por verem na televisão que a consciência pública está mudando, inclusive amigos seus que testemunharam o fenômeno". Friedman cita ainda o Centro Aeronáutico Nacional de Registros de Fenômenos Anômalos (Narcap), que recolhe depoimentos de pilotos de aeronaves protegendo suas identidades, pois estes sempre temem por seus empregos caso revelem os casos que testemunhem. "Eles coletaram milhares de depoimentos, e muitos deles não seriam conhecidos de outra forma", finaliza.

Saiba mais sobre We Are the Disclosure - Part I

Confira uma entrevista com Stanton Friedman

Avião teve encontro assustador com UFO em 1967

Pilotos, tripulações e controladores de tráfego aéreo relatam UFOs

Chile e França acertam cooperação no estudo ufológico

Editor da UFO faz palestras sobre a abertura ufológica do Governo Brasileiro na Europa

Nick Pope alerta que chegada dos alienígenas pode ocasionar uma guerra

Carl Jung acusou a Força Aérea norte-americana de acobertar informações sobre UFOs

Saiba mais:

Livro: Roswell: Novas Revelações

crédito: Revista UFO
Roswell: Novas Revelações
Roswell: Novas Revelações

O caso ufológico que dá origem a este livro é o mesmo que serviu de pretexto, quase sete décadas atrás, para a implantação da política governamental de acobertamento da presença alienígena na Terra. Foi imediatamente após a queda de um disco voador na cidade de Roswell, no meio do Deserto do Nevada, que as autoridades norte-americanas tomaram conhecimento de sua procedência extraterrestre e de sua elevada tecnologia. Roswell: Novas Revelações vai a fundo nesta questão e expõe todas as suas características com clareza, após décadas de pesquisas do autor e centenas de depoimentos de testemunhas civis e militares. Donald Schmitt é um dos maiores especialistas no Caso Roswell em todo o mundo. Foi diretor de investigações do Center for UFO Studies (CUFOS), fundado décadas atrás pelo pioneiro J. Allen Hynek.

DVD: A Um Passo da Revelação Final

Já está no ar a Edição 220 da Revista UFO. Aproveite!

Fevereiro de 2015

Dia do encontro ou reencontro?