DESTAQUE

Militares norte-americanos: \'armas nucleares têm sido desativadas por UFOs\'

Por
22 de Setembro de 2010
Guerras nucleares podem ter sido \'desarmadas\' por alienígenas
Créditos: hardwarezone

Os depoimentos de mais de 120 militares na reserva ou pessoal de antigas instalações alertam sobre uma intervenção continuada de UFOs em lugares onde se localizavam as armas nucleares, até datas recentes, como 2003 e 2004. Em alguns casos, vários mísseis nucleares, de forma simultânea e inexplicável, falharam, enquanto um objeto em forma de disco, sob silêncio, flutuava perto. Como divulgado anteriormente aqui no Portal da Ufologia Brasileira, ex-oficiais da Força Aérea Norte-Americana (USAF) e um ex-soldado raso romperão seu silêncio a respeito destes eventos, na próxima segunda-feira, 27 de setembro, no National Press Club, e instarão ao Governo a confirmar publicamente sua realidade.

Um deles, ocorreu durante o lançamento oficial de Intercontinental Ballistic Missil [Míssil Balistico Intercontinental, ICBM]. O capitão Robert Salas se encontrava de serviço durante um incidente de perturbação do míssil na base aérea de Malmstrom e superiores lhe ordenaram não falar disso. Outro participante, o coronel Charles Halt, observou um objeto em forma de disco dirigir flashes de luz para baixo na base aérea de Bentwaters, da Força Aérea Real (RAF) na Inglaterra, área de armazenamento de armas nucleares. Os dois homens facilitarão informações impressionantes sobre esses eventos e revelarão como os militares dos EUA responderam às anomalias.

O capitão Salas assinala que "a Força Aérea dos Estados Unidos está mentindo sobre os envolvimentos de segurança nacional dos objetos não identificados nas bases aéreas nucleares e podemos demonstrar isso". O coronel acrescenta: "Creio que os serviços de segurança, tanto dos Estados Unidos e do Reino Unido têm tentado subverter o significado do que ocorreu, pelo uso de métodos de desinformação".

O grupo de testemunhas e pesquisadores [Entre eles, Robert Hastings, consultor da Revista UFO e autor do livro Terra Vigiada, lançamento da Biblioteca UFO] discutirão os envolvimentos de segurança nacional desses e outros incidentes similares, intimando ao Governo a revelar toda a informação a respeito deles. Documentos desclassificados serão distribuídos ao público e mídia no evento, que agora acreditarão na realidade da atividade do Fenômeno UFO nas bases nucleares, que remontam a 1948.

A conferência de imprensa também responderá às preocupações atuais sobre o abuso do segredo governamental, bem como a persistente ameaça das armas nucleares. Mais informações e detalhes, clique aqui. Leia entrevista de Hastings, concedida com exclusividade à Revista UFO, clicando aqui.

Já está no ar a Edição 151 da Revista UFO. Aproveite!

Março de 2009

UFO, tribuna livre para o debate sobre vida extraterrestre