DESTAQUE

Aliens poderiam impedir expansão desordenada e catastrófica da raça humana

Por
20 de Agosto de 2011
Estudo sugere cautela perante o contato iminente. Ilustração
Créditos: jopno22d3

Não deveria figurar como a razão mais atraente e sensata para limitar a poluição extrema e os gases do efeito estufa, mas reduzir as nossas emissões poderia salvar a humanidade de um ataque preventivo alienígena, afirmam cientistas. "Observando de longe, os seres extraterrestres podem visualizar as alterações na atmosfera da Terra como claro sintoma de uma civilização fora de controle em crescimento - e tomar medidas drásticas para deter uma ameaça mais séria", explicam os pesquisadores.

Este cenário, à primeira vista altamente especulativo, é um dos vários descritos por um pesquisador da Divisão de Ciência Planetária da Agência Espacial Norte-Americana (NASA) e seus colegas na Universidade Estadual da Pensilvânia. Shawn Domagal-Goldman e colaboradores compilaram uma lista de resultados plausíveis que poderiam se desdobrar no resultado final de uma interação direta com ETs, para "ajudar a população se preparar para o contato real".

Em seu relatório Would Contact with Extraterrestrials Benefit or Harm Humanity? A Scenario Analysis [O Contato com Extraterrestres Seria um Benefício ou Preocupação Para a Humanidade? Um Cenário de Análises], os pesquisadores dividem encontros alienígenas em três grandes categorias: benéficos, neutros ou prejudiciais.

Benéficos vão desde a mera detecção de inteligência extraterrestre, por exemplo, através da interceptação de transmissões, até entrar em contato com organismos de cooperação que nos ajudem a aumentar o nosso conhecimento e resolver problemas globais como a pobreza, a fome e as doenças.

Outro resultado benéfico, conforme os autores, seria o triunfo da humanidade perante um agressor alienígena mais poderoso, ou mesmo ser salvo por um segundo grupo de ETs. "Nessas situações, os benefícios da grande vitória moral por ter vencido um rival difícil e também pela oportunidade de fazer engenharia reversa da tecnologia extraterrestre", escreveram os autores.

Outros tipos de encontro poderiam ser menos gratificantes e deixarem grande parte da sociedade humana com sentimento indiferente perante a vida alienígena. Os visitantes podem ser muito diferentes de nós para se comunicar de maneira que possamos compreender. Os resultados mais desagradáveis surgiriam se extraterrestres causassem danos à humanidade.

Custos da sobrevivência

Para reforçar as chances de escapatória aos humanos, os pesquisadores pedem cautela no envio de sinais para o espaço e, em particular, alertam contra a difusão de informação sobre a nossa constituição biológica, o que poderia ser usado para fabricar armas tendo como alvo seres humanos. Em vez disso, "qualquer contato com ETs deve ser limitado ao discurso matemático até que tenhamos uma idéia melhor do tipo de inteligência alienígena que estamos lidando", sugerem.

crédito: thing studio
Perigosos. Eles ou nós?
Perigosos. Eles ou nós?

Os autores alertam que os extraterrestres podem ser cautelosos com tipos de civilizações como a nossa, que se expande muito rapidamente e de forma totalmente desordenada, já que estão propensas a destruir a vida de outros mundos à medida que crescem, assim como os seres humanos levaram à extinção de inumeráveis espécies na Terra. No cenário mais extremo, aliens podem optar por destruir a humanidade para proteger outras civilizações, afirma o relatório.

ETs poderiam se opor aos danos ambientais na Terra e nos eliminar para salvar o planeta. Mesmo se nós nunca fizermos o contato definitivo, o relatório argumenta que os cenários potenciais podem ajudar a traçar o caminho futuro da civilização humana, evitar o colapso e alcançar sobrevivência a longo prazo.
Leia também:

Relatório traz possibilidade de ETs destruírem a humanidade para salvar ambiente terrestre

Economista sugere ao vivo "invasão alienígena" para resolver crise dos EUA


Fique por dentro sobre tudo da Ufologia Mundial:


Agosto é o mês do frete grátis no Portal da Ufologia Brasileira:

Escolha e compre mais de 100 títulos de obras sobre Ufologia e quase 300 edições da Revista UFO e séries paralelas, ganhando remessa postal sem custo para todo o Brasil!

Já está no ar a Edição 180 da Revista UFO. Aproveite!

Agosto de 2011

As fotos contestadas agora são objeto de intenso debate