DESTAQUE

Um livro de referência sobre UFOs acompanha todos os avistamentos nos EUA

Por
14 de Novembro de 2018
Foto do Estudo sobre UFOs em Nevada, Estados Unidos.
Créditos: LasVegasNow.com

Há vinte e nove anos, a 8 News Now exibiu uma história que abalou o mundo ufológico. Era sobre um ex-cientista do governo norte-americano chamado Bob Lazar, que alegou ter trabalhado em um programa secreto, no deserto de Nevada, para analisar a tecnologia alienígena recuperada. Desde então, Las Vegas tem sido uma cidade de UFOs. Os moradores mantem-se informados sobre as histórias e as novidades sobre UFOs, e houve muitas delas no ano passado. Agora, há evidências estatísticas que provam que o fascínio do sul de Nevada com objetos aéreos desconhecidos é real.

George Knapp, do I-Team, traz a reportagem:

O que são essas coisas flutuando pelos céus, em plena luz do dia, sobre Las Vegas? As imagens foram gravadas há alguns anos por um morador local. Há de tudo, desde o que parecem ser sacos plásticos estacionários a um conjunto de esferas escuras que dançavam umas em volta das outras, até engenhocas com três esferas que parecem mudar de forma e se moverem contra o vento. “Elas começam a fazer manobras aéreas, depois param e começam de novo, como se estivessem procurando. Parecem formigas”, diz Bob que não queria seu nome revelado mas reuniu dezenas de fotos e vídeos dos objetos que viu perto de sua casa, no centro de Las Vegas. Ele nunca apresentou um relato formal aos dois grupos civis que coletam tais informações, nem contatou agências do governo que dizem não estar interessadas.

“Algo muito intrigante está acontecendo. Disseram-nos há 50 anos pelo governo que não há nada, mas as pessoas ainda os veem”, disse Cheryl Costa. O analista de sistemas Cheryl Costa e sua esposa, uma colega na análise de dados, decidiram tirar um pouco do trabalho de adivinhação quanto aos números dos UFOs. O consenso há anos é que 90% dos avistamentos de UFOs são, provavelmente, erros de identificação de objetos explicáveis, como aviões ou planetas. E que pelo menos 90% das pessoas que veem um nunca relatam nada.

“De 2001 a 2017, dos 139.876 avistamentos relatados, Nevada ficou em 25º lugar, acima da posição de nível 26, em 2015. Nevada teve 1.855 avistamentos no período de 17 anos. O Condado de Clark figura em seis entre mais de 3.000 condados nos Estados Unidos. Está entre os 10 principais e teve 1019”, diz Costa. 

Os Costa criaram uma enorme referência UFO que divide avistamentos por estado e município, mas também por hora do dia, e por formas dos objetos que foram vistos, não apenas círculos, luzes ou triângulos no céu, mas também tipos mais exóticos, incluindo metamorfos, como aqueles gravados sobre Las Vegas. Acham que estão mais perto de 1 em 4.000 avistamentos de UFOs que são relatados, o que significa que há muitas coisas sendo avistadas nos céus, inclusive em Nevada.

Três formatos, e eles estão em um aumento acentuado: formato ovoide, formato de lágrima, e formato de Saturno. Os rankings estaduais e municipais da compilação não levam em consideração a população, apenas a quantidade de avistamentos. A Califórnia está isolada na primeira posição. A população esparsa de Nevada e os espaços abertos significam que o que quer que esteja voando no deserto é menos provável de ser visto. No entanto, os moradores de Las Vegas estão mantendo sua posição entre os mais expressivos.

“A cidade de Las Vegas me deixou impressionado, especialmente quando nota que o estado está classificado apenas na posição 25. Las Vegas é a segunda cidade do país com quantidade de avistamentos de UFOs. A primeira é Phoenix”, informa Costa que não adivinha quem está pilotando essas naves ou de onde elas vem.

(George Knapp e o senador Harry Reid; Credito: LasVegasNow)

Um dos residentes de Nevada que tentou responder a essas perguntas foi o ex-senador de Nevada, Harry Reid, que iniciou em sigilo um programa do Pentágono para estudar secretamente casos de UFOs, incluindo alguns vídeos agora famosos, lançados há um ano pelo Pentágono, embora os arquivos do caso não tenham sido divulgados.

“George, acho que esses estudos estão sobrecarregados com informações. Digo isso porque aprendemos muito. Uma coisa que aprendemos foi que, ao longo das décadas, acontecem muitas coisas para as quais não há explicação”, disse o senador Harry Reid. Pelo menos, ainda não.

Assista a reportagem em vídeo legendada aqui:

Fonte: LasVegasNow.com, por Geoge Knapp, Canal João Marcelo, Tunguska Legendas.

Já está no ar a Edição 262 da Revista UFO. Aproveite!

Novembro de 2018

As abduções que ocorrem em família