DESTAQUE

Surgem mais informações sobre o possível pouso de um UFO em Peruíbe

Por
27 de Outubro de 2017
O caso do possível pouso de UFO em Peruíbe permanece sob investigação
Créditos: Edilson Almeida

O possível pouso de um UFO em Peruíbe, litoral sul do estado de São Paulo, continua a ser divulgado em vários portais e a ser investigado pelos ufólogos. O caso aconteceu na madrugada do dia 6 para 7 de outubro em Peruíbe, e entre as notas informações estão relatos de moradores do bairro Balneário São João Batista 3 a respeito do avistamento de um ser estranho no dia anterior à descoberta da marca triangular. Um morador descreveu como o ser se parecia com um macaco correndo, que passou atrás do mato onde ocorreu o possível pouso. O morador afirmou ter ficado assustado com a observação.

Plantas do tipo taboa, que foram amassadas de forma ainda não explicada, foram colhidas no terreno onde se deu a ocorrência, e analisadas pelo biólogo Paulo Aníbal. Conforme um relatório que a equipe de investigação, composta ainda pelos consultores da Revista UFO Saga Susseliton Souza, Paulo Pilon e Marco Leal, além da pesquisadora independente Sandra Casagrande, "Verificou-se que algumas folhas e inflorescências das taboas que foram deitadas tinham as pontas levemente carbonizadas, ao passo que as taboas fora da marca estão com algumas folhas com as pontas apenas secas, nunca enegrecidas por algum processo calorífico".

Outra informação importante é o fato de que o funcionário da prefeitura que pilotou o drone, responsável por obter imagens aéreas do local, relatou dificuldades em controlar o aparelho. Saga informa que o piloto relatou que foi identificada uma anomalia magnética na área, tornando difícil o controle do drone a uma altitude de 2,5 m. Além disso os investigadores Saga e Marco Leal relataram terem sentido tontura ao permanecer por certo tempo dentro da região de plantas amassadas. Leal, que ficou mais tempo no local, afirmou ter sentido enjoo e vista turva, enquanto por seu lado Paulo Pilon não sentiu nada anormal. Pilon ainda teve contato com outros pesquisadores que levantaram a possibilidade de a marca no terreno ter sido produzida pelo fenômeno atmosférico chamado microburst ou microexplosão.

PADRÕES SIMÉTRICOS

crédito: Paulo Pilon
Conforme o diagrama preparado por Paulo Pilon, é muito improvável que uma microexplosão seja a responsável pela marca em Peruíbe
Conforme o diagrama preparado por Paulo Pilon, é muito improvável que uma microexplosão seja a responsável pela marca em Peruíbe

Contudo, os efeitos deste se espalham costumeiramente por uma área de dezenas a centenas de metros, o que não é o caso da marca de Peruíbe, que tem cerca de 13 m de extensão. Além disso nenhuma das casas vizinhas mostrou evidências desse tipo de fenômeno, como telhas arrancadas, marcas nas paredes, etc. Os pesquisadores ainda destacam que as taboas, a espécie de planta do terreno onde se deu a ocorrência, se deitaram uniformemente, quebrando-se todas por igual e exatamente na parte mais resistente do caule. Eles apontam também que nas bordas da região amassada existe um padrão denteado, composto por diversos semicírculos, conforme desenho preparado por Paulo Pilon. O caso já ganhou tanta repercussão que o atual secretário de Turismo, Esporte e Cultura de Peruíbe, Eduardo Ribas, pretende incluir o bairro Balneário São João Batista 3 no roteiro turístico do município.

Entrevistas com os pesquisadores e com testemunhas do caso

Confira o processo de investigação

Acompanhe as notícias pelo Facebook da Revista UFO

Prossegue a investigação quanto ao possível pouso de um UFO em Peruíbe

Possível pouso de UFO é investigado em Peruíbe

Encerrado com absoluto sucesso o XII Encontro Ufológico de Peruíbe

Peruíbe, a capital brasileira dos discos voadores

Avião da Latam é seguido por UFOs, e Revista UFO lança comunicado aos aeronautas

Saiba mais:

Livro: UFOs na Antártida

crédito: Revista UFO
UFOs na Antártida
UFOs na Antártida

O lugar mais inóspito e longínquo da Terra, que impõe as mais terríveis condições para quem nele ousa se aventurar, é mais um dos pontos do planeta que não passa desapercebido das curiosas inteligências alienígenas que nos visitam há milênios. É na totalmente desabitada Antártida onde se registram casos ufológicos fantásticos e de rica variedade. UFOs na Antártida, do veterano ufólogo argentino Rubén Morales, faz um levantamento minucioso de todas as principais ocorrências ufológicas no Continente Branco, com consulta a documentos oficiais desclassificados de várias nações, entrevistas diretas com seus protagonistas e uma meticulosa análise dos dados, em uma proposta inédita e seu resultado é impressionante.

DVD: Pacote DVDs Contatados 2014

Já está no ar a Edição 251 da Revista UFO. Aproveite!

Outubro de 2017

Brasil: O primeiro do mundo

UPDATED CACHE