DESTAQUE

Surge novo agroglifo na França, próximo à cidade palco de batalhas

Por
13 de Julho de 2020
Agroglifo na França
Créditos: Crop Circle Connector

O aparecimento de um novo agroglifo em um campo de trigo tem atraído a atenção de curiosos na cidade de Vimy, local de muitas e terríveis batalhas durante a Primeira Guerra Mundial

Uma nova formação em um campo de trigo na cidade de Vimy tem chamado a atenção dos franceses, que estão viajando centenas de quiômetros apenas para vê-la.

Ao contrário do que diz a mídia, ele não é enorme, mas tem algo em torno de 50 m no máximo, segundo nosso consultor Newton Rampasso.  A formação surgiu no dia 05 de julho segundo registrado em imagens pelo site Crop Circle Connector.

Mostrando uma cruz em meio a um símbolo de heráltica, o desenho foi associado por algumas pessoas à cruz do templários e por outras à sangrenta batalha que aconteceu a pouco quilômetro dali, durante a Primeira Guerra Mundial, contra os alemãs. Na ocasião morreram mais de 12.000 soltados de diversas nacionalidades.

Segundo informações do site Crop Circle Connedtor, esta nova imagem nos campos da França "foi desenhada na triste memória de muitos soldados canadenses, britânicos ou alemães que morreram durante a Batalha de Vimy Ridge, entre 09 a 12 de abril de 1917, na Primeira Guerra Mundial".

Também de acordo com o site, "A nova imagem de uma cruz de ferro foi desenhada exatamente na borda leste da Floresta Vimy, não muito longe do Memorial Nacional Canadense de Vimy , e também perto de vários cemitérios de guerra canadenses ou britânicos em sua borda oeste".


Esquema do agroglifo de 05 de julho na França Crédito: Crop Circle Connector

Palavras do especialista


Imagem aérea do agroglifo francês de 05 de julho. Crédito: Crop Circle Connector

Segundo relatos do próprietário da terra, o prejuízo que ele teve foi grande, pois perdeu mais de 300 m quadrados de plantação, bem no incício da colheita. 

Segundo nosso consultor Newton Rampasso, há uma febre de agroglifos falsos na Europa: "Com as pessoas em quarentena, mais do que nunca, tudose espalha pelas redes sociais e os agroglifos falsos estão fazendo muito sucesso como se fossem verdadeiros".

Assim, as pessoas sem conhecimento "replicam as mesmas imagens e vídeos e criam significados que acreditam ser mensagens, muitos dão valor a essas ideias, e por aí vai".

Rampasso também afirma que existe uma enorme demanda para saber sobre os agroglifos e pouco a oferecer do fenômeno genuíno, "então os fraudadores aproveitam e preenchem esse vazio levando as pessoas ao delírio. Eu mesmo já fui a 10 agroglifos este ano para ver apenas um genuíno, porém tenho centenas de pedidos para visitação e as pessoas nem se importam se é verdadeiro ou falso"

Não há maiores informações, mas quando soubermos, publicaremos.

Veja abaixo um vídeo feito no local e em seguida uma matéria exibida em telejornal:

Já está no ar a Edição 278 da Revista UFO. Aproveite!

Março de 2020

Miscigenação com aliens