DESTAQUE

Reino Unido parece estar estudando secretamente UFOs

Por
18 de Fevereiro de 2019
Recriação da melhor foto de UFO investigado por Nick Pope no MoD e que foi proibida de divulgação pública.
Créditos: express.co.uk

O ex-chefe de defesa Nick Pope acredita que o governo britânico poderia estar conduzindo um estudo secreto sobre OVNIs. Isto apesar do Secretário de Defesa, Gavin Williamson, alegar que ele não tem planos para abrir o departamento secreto.

O departamento de UFOs da Grã-Bretanha, que sondou notórios avistamentos como o ‘Incidente de Cosford‘ de Shropshire, foi fechado em 2009. Mas Nick Pope, que dirigiu o antigo departamento do Ministério da Defesa (MoD) de 1991 a 1994, acredita que partes do governo ainda poderiam estar investigando o Fenômeno UFO. Reforça Pope: “os UFOs são uma verdadeira ameaça aos céus da Grã-Bretanha e devem ser levados a sério”.

(Nick Pope quando ele lidera a mesa de UFOs no Ministério da Defesa Britânico)

E ainda ressaltou que os avistamentos podem não ser apenas visitas extraterrestres – mas “drones, aeronaves russas e fenômenos atmosféricos”. Pope disse ao Express & Star: "Não há circunstâncias em que o MoD, a Royal Air Force e de fato o governo como um todo não devam fazer todos os esforços para identificar qualquer coisa incomum em operação em nosso espaço aéreo. Não importa se você é um cético ou um crente, e não importa se você acha que os avistamentos de UFOs são gerados por drones, aeronaves russas, fenômenos de plasma atmosférico exóticos ou extraterrestres.  Se há algo em nossos céus, há claras implicações de defesa, segurança nacional e segurança aérea."

Posição oficial

A posição oficial do governo diz algo diferente. Não há mais, dizem eles, nenhuma necessidade de ter um departamento oficial funcionando. O Secretário Williamson disse ao Express & Stars: "Certamente não há planos para abrir o departamento de UFOs  no MoD". 

(Secretário de Defesa do Reino Unido, Gavin Williamson)

Recentemente, em novembro, pilotos de linhas aéreas relataram ter visto luzes vermelhas no céu sobre a Irlanda, que alguns ligavam a visitantes alienígenas. Talvez o avistamento mais famoso em West Midlands seja o incidente de Cosford, ocorrido em 1993.

Em 31 de março daquele ano, uma patrulha da RAF (Real Força Aérea) relatou ter visto um UFO na base. Eles descreveram o objeto se movendo “a grande velocidade e a uma altitude de cerca de 1.000 pés (300 m)”.  O UFO consistia de duas luzes brancas e um fraco brilho vermelho na parte traseira, sem que o ruído do motor fosse ouvido, segundo o relatório. O que tornou o incidente mais bizarro foi que dezenas de UFO em formato triangular foram relatados naquela noite, viajando a toda velocidade pelo oeste da Grã-Bretanha. Um UFO, também foi relatado na RAF Shawbury, em Shrewsbury, não muito tempo depois.

 

Investigação

Pope diz que pode ter sido investigado por uma equipe secreta de pesquisa americana – e ele insiste que algo semelhante já possa existir no Reino Unido. Ele informou: "Todas as coisas que o MoD precisaria já são financiadas, por exemplo, nossa rede de radar militar e recursos de análise de imagens. Seria uma proposta de custo neutro e o trabalho poderia ser feito concorrentemente com tarefas de análise de inteligência existentes."

Em dezembro de 2017, jornalistas norte-americanos descobriram um estudo secreto do Pentágono que decorreu entre 2007 e 2012. O estudo sondou cerca de 12.000 avistamentos que datam de décadas. O pessoal do projeto evitou usar o termo UFO em seu trabalho para ficar abaixo do radar do governo. 

Pope adicionou: "A intrigante ironia é que já pode haver um novo projeto UFO , desconhecido até mesmo para o Secretário de Estado para Defesa. Nos EUA, o projeto UFO do Pentágono, AATIP (Programa Avançado de Identificação de Ameaças Aeroespaciais) foi oculto por uma combinação de fatores: eles evitaram cuidadosamente qualquer menção de UFOs,  enquanto grande parte do trabalho foi contratado para o setor privado. A coisa toda foi descrita usando uma linguagem que implicava que eles estavam estudando futuras ameaças de aviação de aviões, mísseis e drones. Eu suspeito fortemente que a equipe de Inteligência do Ministério da Defesa fez uma coisa semelhante e está olhando para os “desconhecidos” em paralelo com as ameaças aeroespaciais mais convencionais da próxima geração. Contanto que você use termos como ‘aeronave incomum’, ‘helicóptero não convencional’ e afins, provavelmente você pode tocar isso como se não tivesse um projeto de UFO , especialmente se a maior parte de seu trabalho envolve ameaças aeroespaciais estrangeiras convencionais. Os envolvidos podem até não ter informado os ministros da Defesa sobre a existência de tal projeto, o que lhes daria uma “negação plausível”. 

(Nick Pope, que investigou o incidente Cosford no MoD, disse que teve um grande evento de UFO  em suas mãos.)

Pope acredita que o ceticismo público sobre os alienígenas é a razão pela qual muitos avistamentos de UFOs  não são levados a sério – e muitas pessoas são rápidas em falar sobre drones que aparecem no céu. Ele diz: "Talvez devêssemos rever os padrões duplos implícitos aqui e levar a sério todos os relatos de objetos não identificados em nossos céus, independentemente do que pensemos que sejam".

Fonte: Expressandstar.com, por Jamie Brassington 

 

Já está no ar a Edição 265 da Revista UFO. Aproveite!

Fevereiro de 2019

O enigma das sondas

UPDATED CACHE