DESTAQUE

Radiotelescópio na Paraíba: entendendo a energia escura e as origens do universo

Por
14 de Janeiro de 2020
Bingo radiotelescópio
Créditos: Bingo

Desde a década de 30 do século passado os radiotelescópios – instrumentos capazes de capturar ondas eletromagnéticas não visíveis a olho nu, como as ondas de rádio – têm ajudado a humanidade a conhecer os grandes mistérios do cosmos como, por exemplo, os quasares e pulsares. Agora, o interior do estado brasileiro da Paraíba também vai se juntar à pesquisa. Lá será construído um grande radiotelescópio para estudo da misteriosa energia escura.

                             

Radiotelescopio de Arecibo

O telescópio que tem o complicado nome de Baryon Acoustic Oscillations in Neutral Gas Observations, [Oscilações Acústicas de Bárions em Observações de Gases Neutros] foi apelidado de Bingo, e deverá ficar em um local ermo, onde ainda sequer existem estradas de acesso. Construído por um consórcio de entidades brasileiras e estrangeiras, Bingo deverá detectar e analisar rastros de hidrogênio neutro – composto por um elétron e um próton –  no universo.

“Vamos fazer uma espécie de tomografia do universo, que vai analisar a distribuição de hidrogênio. O objetivo é tentar entender mais o processo pelo qual a energia escura atua na dinâmica do universo”, explica Carlos Alexandre Wuensche, pesquisador do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), um dos líderes do projeto. O Bingo é um telescópio que operará na banda rádio, dos 960 a 1260 MHz, de forma a detectar gás neutro localizado a um desvio para o vermelho z (redshift) entre 0.13 e 0.48. É um projeto internacional, que incluí pesquisadores do Brasil, Arábia Saudita, Suíça, Reino Unido e Uruguai.

Sobre o porquê da escolha da região, que pode parecer curiosa para muitos, Wuensche diz que "a região da Paraíba é limpa. Tem pouca contaminação de rádio e de antenas. Todas as outras áreas que analisamos são bem contaminadas, pois a banda que a gente opera é próxima à do 3G. Tem que ser um lugar que não tenha muita torre de celular, sinais de transponders de avião, torres ou radares de controle de tráfego aéreo”.

Um dos problemas que pode interferir na qualidade das medições é o fato de que a região está na rota de voos de e para a Europa e a América do Norte. Segundo Wuensche, um software ajudará a limpar as frequências emitidas pelos aviões, e a estimativa mais pessimista é que seja perdida uma hora de dados por dia por causa disso.

Outro desafio a ser superado envolve o acesso ao local. O terreno em que ele será construído não é alcançado por estradas, que deverão ser abertas. A intenção inicial era a de que o Exército ajudasse nessa preparação, com o combustível e a manutenção dos veículos pagos pelo projeto, mas não houve acordo até o momento. Há conversas, agora, com o Departamento de Estradas e Rodagens  (DER) da Paraíba. Bingo será instalado próximo à localidade de Aguiar. Assista ao video para saber mais:

                                                               

Fontes uol, Bingo, Olhar digital

Já está no ar a Edição 258 da Revista UFO. Aproveite!

Junho de 2018

Que tecnologia é esta?