DESTAQUE

Principal executivo da MUFON é demitido após ser acusado de sedução de menores

Por
15 de Julho de 2020
Jan Harzan
Créditos: MUFON

Jan Harzan, chefe da Rede Mútua de UFOs (MUFON), foi preso em 03 de julho e é acusado de solicitar, via internet, “atividade sexual de um detetive que ele acreditava ser uma garota de 13 anos". A MUFON tomou as medidas necessárias e a Revista UFO também se posicionou.

 O diretor executivo da Mutual UFO Network, uma das mais antigas organizações de pesquisa de UFOs dos Estados Unidos, foi preso sob a acusação de seduzir uma menor "com o objetivo de se envolver em atividades sexuais", segundo a polícia. 

Jan Harzan, que dirige a MUFON desde 2013, é acusado de solicitar "atividade sexual de um detetive que ele acreditava ser uma menina de 13 anos", de acordo com um comunicado do departamento de polícia de Huntington Beach, CA.

Nos últimos anos, o mundo da Ufologia foi inundado com alegações conspiracionistas do tipo Pizzagate, ligando falsamente as elites científicas e governamentais ao abuso sexual oculto de crianças, e acusando o governo de lançar vídeos de UFOs para encobrir círculos de pedófilos. A prisão de Harzan provavelmente reacenderá essas controvérsias.

Os registros do tribunal mostram que Harzan foi preso sob a acusação de "se comunicar com uma menor com a intenção de se envolver em um ato obsceno", além de "marcar uma reunião para se envolver com um ato obsceno com uma menor em público".

 

O que diz a polícia


Viaturas de polícia de Huntington Beach
Crédito Departamento de Polícia de Huntington Beach

Segundo comunicado publicado na página do Facebook do Departamento de Policia de Huntington Beach, Harzan não foi o único preso por buscar sexo com menores de idade.

O comunicado diz que nas últimas duas semanas, detetives do Departamento de Polícia de Huntington Beach prenderam dois suspeitos, em dois incidentes separados, que envolvem crimes online contra crianças. Um deles era Harzan. Diz a polícia:

“Em 03 de julho, os detetives contactaram um homem chamado Jan Harzan após Harzan solicitar atividade sexual de um detetive que ele acreditava ser uma menina de 13 anos.

O suspeito solicitou que o menor se encontrasse com o propósito para se envolver em atividade sexual, e quando o suspeito concordou em encontrar o suposto menor, os detetives estavam lá para levá-lo sob custódia.

Em 13 de julho, os detetives contactaram um outro homem de nome Norman Powers, depois de Powers também solicitou atividade sexual do detetive que se passava por uma criança de 13 anos, e combinou de se encontrarem com o propósito de atividade sexual.

Tanto Harzan quanto Powers foram presos por vários crimes e transportados para a prisão de Huntington Beach. Ambos os suspeitos nesses casos estavam especificamente mirando mulheres menores online”.

 

O posicionamento da Revista UFO


Ademar José Gevaerd Crédito: Revista UFO

Quando soubemos do ocorrido, nossa reação foi primeiro de espanto, uma vez que Jan Harzan já esteve no Brasil duas vezes a convite da UFO para participar de congressos, nos quais foi muito bem recebido pelo público brasileiro.

Na verdade, o editor da revista o considerava um amigo: “eu o conheço há anos, conheço sua esposa e seus filhos, já estive em sua casa algumas vezes, estou absolutamente chocado”, disse Gevaerd ao saber da prisão e da razão dela. O que segue abaixo é o comunicado oficial da Revista UFO sobre o incidente:

“O editor da Revista UFO A.J. Gevaerd, diretor da MUFON no Brasil, e o coeditor da UFO Thiago Luiz Ticchetti, diretor assistente da MUFON no Brasil, assim como todo os funcionários, consultores, conselheiros e correspondentes da revista repudiam veementemente todo e qualquer ato de pedofilia, e aguardam que as investigações esclareçam todos os fatos que pesam sobre Jan Harzan”.

Todos nós ficamos muito chocados e todos somos solidários a todas as vítimas de predadores sexuais. Mas aqui é necessário que se faça uma separação entre pessoa e instituição.

Muitas vezes, nós ficamos tão revoltados com determinadas situações, que acabamos misturando as informações e culpando uma instituição pela ação de um de seus funcionários. Isso não pode acontecer, ainda que esse funcionário seja de alto escalão. Saber separar as coisas é fundamental nesse momento.

 

Quem é a MUFON

A MUFON é uma organização fundada em 1969, em Quincy, no estado de Illinois, para rastrear avistamentos de UFOs por cidadãos comuns, e afirma ainda manter o "maior e mais detalhado banco de dados de avistamentos de UFOs do mundo". O papel da MUFON no mundo da Ufologia é enorme.

A organização trabalhou em estreita colaboração com empresas contratadas pelo governo dos Estados Unidos, incluindo a Bigelow Aerospace, que recebeu dinheiro do governo federal para investigar fenômenos aéreos não identificados. 

De acordo com documentos revisados pelo site Motherboard, a Bigelow Aerospace pagou a MUFON para fazer relatórios técnicos sobre as características frequentemente descritas em casos ufológicos. 

A Bigelow Aerospace também ofereceu financiamento à MUFON para reunir uma equipe de investigação de casos ufológicos que pudesse estar no local dentro de 24 a 48 horas após um incidente.

Atualmente, a organização possui representantes de diversos países. No Brasil a MUFON é representada pelo editor e pelo coeditor da Revista UFO Ademar José Gevaerd e Thiago Luiz Ticchetti, respectivamente.

Diante dos acontecimentos, o conselho de administração da Mutual UFOs Network removeu Jan Harzan como diretor executivo após sua prisão pela polícia de Huntington Beach. Harzan era diretor executivo da MUFON desde 2013. Segue abaixo o comunicado da organização:

“À luz dos eventos recentes, Jan Harzan foi removido permanentemente como Diretor Executivo da MUFON. Com efeito imediato, ele não desempenhará mais nenhum papel na organização.
David MacDonald, Diretor Executivo Emérito e membro do Conselho de Administração da MUFON agora assumirá as funções de Diretor Executivo. A MUFON continua comprometida com sua missão principal: o estudo dos UFOs em benefício da humanidade. Essa missão é maior do que qualquer pessoa ou membro da MUFON e substitui todas as outras considerações. Continuaremos avançando e focando em nossa declaração de missão”.

Fontes: Vice. Departamento de Polícia de Huntington Beach, Mystery Wire

Já está no ar a Edição 278 da Revista UFO. Aproveite!

Março de 2020

Miscigenação com aliens