DESTAQUE

Novas discussões sobre UFOs e alienígenas estão acontecendo na França

Por
16 de Abril de 2020
UFO em um planeta alienígena
Créditos: Mystery Wire

A Ufologia é um assunto que vem ganhando cada vez adeptos dentro da sociedade científica desde a liberação das filmagens de UFO feitas pelos pilotos da Marinha dos Estados Unidos. A França, uma pioneira na investigação oficial dos objetos, mais uma vez mostra sua abertura em relação ao tema.

Ainda hoje, as pessoas que falam sobre suas crenças e curiosidades sobre a existência de UFOs, alienígenas e outros mundos são frequentemente olhadas de forma enviesada por amigos, familiares e até mesmo seus governos. O estigma ainda está colado ao assunto.

Mas agora, há um novo grupo de profissionais disposto a falar. O mais recente deles é um ex-oficial francês de Inteligência chamado Alain Juillet.

Recentemente, o site curismon.com escreveu sobre o envolvimento de Juillet em um novo documentário chamado UFOs: uma questão de Estados, dirigido por Dominique Fihol. 

Segundo Juillet, que é ex-diretor da agência de inteligência estrangeira da República Francesa ( DGSE ), “O fenômeno tornou-se palpável. Tive a sorte de poder filmar uma reunião dos membros da comissão SIGMA 2 que estuda os UFOs de maneira rigorosa e científica”. 

 

Inteligência não humana

 
Entidade não humana. Crédito: Microsoft

“Existe um termo que se repete cada vez mais frequentemente entre especialistas da área. É a ideia de ‘inteligência não humana'. Esse termo é interessante porque não rejeita a hipótese extraterrestre, mas inclui outras teorias sobre a natureza do fenômeno”, diz Juillet.

Alain Juillet deu entrevistas em francês, uma delas publicada. Vamos conhecer abaixo um trecho de sua entrevista para o Paris Match:

 

Você concordou em participar do documentário de Dominique Filhol, UFOs: uma questão de Estados. É a primeira vez que você fala publicamente sobre UFOs?

Sim. Participei de uma reunião de entusiastas da aeronáutica onde a questão dos objetos não identificados foi levantado. Eu estava na sala e respondi a algumas perguntas. Mas nunca havia discutido o assunto publicamente. Foi depois de uma entrevista com o diretor Dominique Filhol que abordamos esta questão. Ele me fez duas ou três perguntas e disse: ‘Estou interessado nisso, estou preparando alguma coisa’. Foi assim que aconteceu.

 

Você tem um interesse particular em UFOs?

Sim, mesmo que eu não seja um entusiasta. Por outro lado, sou um homem de Inteligência e quando vemos coisas que são inexplicáveis hoje, sabemos que poderemos explicá-las amanhã. Só que não temos os elementos para imaginar ou entender o que está acontecendo. No campo específico dos UFOs, sem mencionar as pessoas que veem um disco voador pousando em um campo, existem pilotos de caça, astronautas, pessoas que são totalmente confiáveis e relatam observações muito precisas. Não devemos dizer que eles não fazem sentido, apenas reconhecer que há coisas que nos escapam ao explicar o fenômeno.

Fonte: Mystery Wire

Assista abaixo o trailer do documentário e uma reportagens do Fantástico sobre as investigações do governo francês:

Já está no ar a Edição 277 da Revista UFO. Aproveite!

Fevereiro de 2020

UFOs no espaço até a Lua