DESTAQUE

NASA estuda como se comunicar com alienígenas

Por
23 de Maio de 2014
Capa do livro gratuito Arqueologia, Antropologia e Comunicação Interestelar
Créditos: NASA

Douglas A. Vakoch é Diretor de Composição de Mensagem Interestelar do Instituto SETI, sendo o único cientista social ligado à instituição. Ele pesquisa maneiras pelas quais civilizações alienígenas poderiam criar mensagens que poderiam atingir outros mundos habitados como a Terra e ser compreensíveis. O dr. Vakoch igualmente analisa como os humanos poderiam compor mensagens para os alienígenas.

Seu mais recente trabalho é um livro gratuito, disponível nos formatos MOBI, EPUB E PDF. Com o título Arqueologia, Antropologia e Comunicação Interestelar, busca debater com base em artigos de diferentes cientistas, especialmente das áreas de ciências humanas, como decifrar formas de comunicação. Os textos analisam os esforços para decifrar antigos códigos visuais, textos em línguas mortas, formas de escrita tais como hieroglifos e outras, a fim de estabelecer possíveis bases para traduzirmos uma mensagem que chegue vinda do espaço.

O consultor da Revista UFO Vanderlei D´Agostino comentou a respeito: "Ou seja, usar nossos conhecimentos de arqueologia e antropologia para dar algum embasamento mínimo no trato dessas mensagens no futuro, usando nossas próprias mensagens terráqueas do passado como uma ferramenta possível para “quebrar o código” dos nossos companheiro do espaço, já que não se sabe em que formato chegarão. Aliás, tais estudos já são feitos há anos, sendo essa edição apenas uma atualização".

INTERPRETAÇÃO ERRÔNEA DE TRECHOS

Lamentavelmente o que alguns veículos, principalmente os mesmos sensacionalistas de sempre, estão fazendo é uma confusão em relação a certo trecho do livro. Analisando uma rocha esculpida por uma antiga civilização terrestre, está escrito: "Podemos dizer pouco, se é que podemos dizer algo, sobre o que esses padrões representam, se foram cortados no formato de pedras, ou quem os criou. Para todos os efeitos, eles podem muito bem ter sido criados por alienígenas". De forma alguma isso significa que a NASA passou a apoiar a teoria dos antigos astronautas.

A dificuldade de comunicação com extraterrestres é destacada no fato de que uma linguagem sonora seria extremamente difícil de ser entendida, pois qualquer variação concebível nesta poderia guardar seus próprio significado. O estudo destaca que símbolos e elementos matemáticos com certeza iriam compor uma mensagem de entendimento muito mais fácil. O livro, altamente recomendável, destaca que uma comunicação com uma civilização extraterrestre será um dos maiores desafios que a humanidade terá que enfrentar em toda sua história, nos preparando adequadamente para os benefícios de um contato como esse.

Assista a uma apresentação de Douglas Vakoch sobre a comunicação com alienígenas:



Faça o download e leia o livro Archaeology, Anthropology, and Interstellar Communication

Civilizações alienígenas podem usar meios de comunicação indetectáveis

Civilizações alienígenas avançadas, como procurar?

Saiba mais:

Livro: Dossiê Cometa

DVD: Pacote NASA: 50 Anos de Exploração Espacial

crédito: Revista UFO
Pacote NASA: 50 Anos de Exploração Espacial
Pacote NASA: 50 Anos de Exploração Espacial

Veja em 50 Anos de Exploração Espacial os momentos mais emocionantes da trajetória da NASA, desde o primeiro homem em órbita até as missões do ônibus espacial. Reveja o incrível vôo de John Glenn na missão Friendship 7, o sucesso da Apollo 11 e os primeiros passos de Neil Armstrong na Lua, as viagens seguintes ao satélite e as operações conjuntas com a nave soviética Soyuz. Conheça a verdadeira razão de não voltarmos mais à Lua e descubra que o destino agora é Marte, Vênus, Júpiter e mundos além do Sistema Solar, e quais são os planos da NASA para alcançá-los.

Já está no ar a Edição 204 da Revista UFO. Aproveite!

Outubro de 2013

?Mais respeito aí com o ET de Varginha, gente?