DESTAQUE

Múmias alegadamente de alienígenas são descobertas em Nazca

Por
04 de Maio de 2017
Uma das múmias supostamente alienígenas encontradas em Nazca
Créditos: Arquivo

O achado dos artefatos, que aparentemente são em número de 2.000, ocorreu no final de 2016. Anthony Choy, representante da Revista UFO no Peru e responsável pela Asociacion Peruana de Ufologia (APU), entrevistou a pessoa que divulgou o achado. Seu nome é G. Paul Ronceros Fernandez (confira no vídeo dos links abaixo) e ele afirma que os indivíduos que encontraram as múmias não são ladrões de túmulos ou arqueólogos, mas que andavam por uma área de Nazca nas proximidades do Oceano Pacífico quando encontraram uma pedra caída, expondo o que parecia a entrada de uma caverna.

Os indivíduos foram investigar, e alegam terem descoberto uma cidadela de pedra em estilo inca no subterrâneo, grandes pedras lavradas e vários sarcófagos de diferentes tamanhos. Eles descobriram nesse local diversos restos mumificados de seres estranhos, com diferentes tamanhos e aparentando não serem humanos. Na entrevista dada a Choy, Ronceros confirma a possibilidade de as múmias serem fraudulentas, produzidas pela união de ossos humanos com o de animais. Também se veiculou a hipótese de serem construções dos antigos habitantes da região, utilizando processos de mumificação similar ao utilizado nas múmias de Chinchorro, no Chile. Alega-se que tal processo seria feito em honra a seres humanoides que teriam vivido entre os nativos antes do descobrimento da América.

Várias das múmias já foram analisadas, e exames com raios-X comprovaram que boa parte dos esqueletos não são funcionais. Também algumas das cabeças dos corpos menores parecem ter sido feitas com crânios de animais. Um antropologista forense, Dr. Guido Lombardi, foi consultado e lhe foram apresentadas as imagens disponíveis, ao que ele deu a opinião de que as múmias são fraudes. O ufólogo Dante Rios Tambini também se envolveu com a investigação, após ter contato com uma pessoa durante uma conferência ufológica em Arequipa no final de 2016. Essa pessoa alegou ter acesso a alguns dos restos mumificados, e estes foram submetidos ao Instituto Inkarri em Cuzco, comandado por Thierry Jasmin.

crédito: Arquivo
Os exames de raios-X realizados até agora questionam a autenticidade do achado
Os exames de raios-X realizados até agora questionam a autenticidade do achado

INFORMAÇÕES DESENCONTRADAS

De novo as amostras foram submetidas a exames, incluindo diferentes máquinas de raios-X, e de novo a conclusão foi a de que as múmias são fabricações fraudulentas. O caso se complicou na medida em que outras pessoas tiveram acesso aos alegados restos mumificados, que existiriam em grande quantidade na alegada cidadela subterrânea inca. Há indícios de que muitos dos envolvidos estão tentando vender as amostras de que se apossaram, e é muito suspeito o fato de seus descobridores bem como seu local de origem permanecer sem identificação. Afirma-se ainda que Jaime Maussan está envolvido, tendo alegadamente visitado o Peru com sua equipe e obtido algumas amostras. Maussan alega que um acordo de confidencialidade foi assinado entre os pesquisadores, a fim de que os resultados somente sejam divulgados daqui algumas semanas. Apesar de alguns afirmarem que análises via carbono-14 estão sendo realizadas, a lembrança do grande fiasco da múmia dos slides de Roswell em 2015 serve de alerta para não esperar muito desse estranho caso.

crédito: Asociacion Peruana de Ufologia
Anthony Choy, correspondente da Revista UFO no Peru, está investigando o caso
Anthony Choy, correspondente da Revista UFO no Peru, está investigando o caso

Confira a entrevista de Anthony Choy com G. Paul Ronceros Fernandez

Slides de Roswell: caso encerrado

Criada página no Facebook em homenagem a Claudeir Covo

Um disco voador explodiu em plena luz do dia em Ubatuba nos anos 50

Satélite Black Knight sendo abatido, fraude com uma fraude

Canal fraudulento Secureteam10 atingido por novas regras do Youtube

CEFAA e Marinha do Chile divulgam impressionante vídeo de um UFO

Mistificadores enxergam UFO imenso em foto do Hubble

Saiba mais:

Livro: Guia da Tipologia Extraterrestre

crédito: Revista UFO
Guia da Tipologia Extraterrestre
Guia da Tipologia Extraterrestre

Há séculos a espécie humana assiste à chegada de estranhos seres geralmente bípedes e semelhantes a nós, que descem de curiosos veículos voadores sem rodas, asas ou qualquer indício de forma de navegação. Quase sempre estas criaturas têm formato humanoide e não raro se parecem com uma pessoa comum, mas com um problema: elas não são daqui, não são da Terra. O que pouca gente sabe é que existem dezenas de tipos deles vindo até nós, alguns com o curioso aspecto de robôs, outros se assemelhando a animais e há até os que se parecem muito com entidades do nosso folclore. O Guia da Tipologia Extraterrestre faz uma ampla catalogação de todos os tipos de entidades já relatadas, classificando-as conforme sua aparência e características físicas diante de suas testemunhas, resultando num esforço inédito para se entender quem são nossos visitantes.

DVD: Nossos Deuses Astronautas

Já está no ar a Edição 60 da Revista UFO. Aproveite!

Novembro de 2011

Afinal, o que querem visitantes tão constantes e interessados?

UPDATED CACHE