DESTAQUE

Militar, testemunha do caso Rendlesham, quebra silêncio

Por
31 de Julho de 2019
Ilustração
Créditos: Getty imagens

 O ex-sargento Michael Smith revelou, oficialmente, pela primeira vez, que ele também viu a atividade estranha em 1980 na zona rural de Suffolk, Inglaterra. Em 2016, Steve Longero, que era um jovem militar da Força Aérea dos EUA trabalhando nas bases da RAF Bentwaters e da RAF Woodbridge, apresentou-se para testemunhar luzes estranhas enquanto estava de serviço.

  

 

Steve Longero permaneceu de boca fechada por mais de três décadas

 

Agora Smith, então um membro por 19 anos do 81º Esquadrão de Polícia Aerotransportada da RAF Bentwaters, disse que “um mês antes da base ter sido colocada em alerta, fui chamado para ficar em uma guarita perto de um dos portões. Eu estava fazendo xixi do lado de fora quando vi uma luz laranja brilhante na floresta – era uma bola avermelhada. Ela parou bem na minha frente – ela ficou lá e pairou dois pés do chão (60 cm) e eu pedi reforços, pois eu estava morrendo de medo”.

 

 

  

Desde o incidente, as teorias e rumores cresceram. Inclusive, no ano passado houve alegações de que o incidente florestal de Rendlesham, como ficou conhecido, teria sido na verdade uma brincadeira feita pela Força Aérea Norte-Americana.

   Um desenho da nave visto durante o incidente inexplicável Crédito: Alamy

 

Apelidado de “Roswell Britânico”, os relatos de avistamentos e contatos com alienígenas ocorreram durante uma série de noites em dezembro de 1980 e o incidente continua a fascinar entusiastas da Ufologia. Os céticos explicaram os avistamentos como uma má interpretação de uma série de luzes noturnas, uma bola de fogo, o feixe de luz do Farol Orfordness, ou mesmo estrelas brilhantes.

  

Uma placa de informação em Rendlesham Forest Credit: Alamy

  

Sobre o incidente de Rendlesham:

 

O incidente do UFO de Rendlesham ocorreu em dezembro de 1980, durante uma série de pelo menos duas noites. Em 26 de dezembro de 1980, militares das bases gêmeas RAF Bentwaters e RAF Woodbridge em Suffolk viram uma luz estranha na Floresta Rendlesham, que fica entre as duas bases. Três homens foram enviados para investigar e dois deles encontraram uma pequena nave triangular. 

 

Desenho feito pelos militares na época.



Um homem, Jim Penniston, chegou perto o suficiente para tocar o lado do objeto. Ele e o outro aviador presente, John Burroughs, fizeram esboços da nave para seus relatórios. Duas noites depois, o vice-comandante da base, o tenente-coronel Charles Halt e sua equipe, encontraram o UFO. Mais tarde ele disse: “Aqui estou, um alto funcionário que rotineiramente nega esse tipo de coisa e trabalha diligentemente para desmascará-las e estou envolvido no meio de algo que não posso explicar.”

 

O incidente da Floresta Rendlesham ocorreu em dezembro de 1980 e foi apelidado de Roswell Creditda Grã-Bretanha : Alamy

  
Apesar de uma investigação do MoD (Ministério da Defesa), o incidente da Floresta de Rendlesham permanece inexplicado.

Fonte: The Sun

 

Saiba tudo sobre o UFO SUMMIT 2019 em www.ufosummit.com.br

O maior evento do ano da Ufologia Brasileira. Garanta a sua vaga!

 

   

Já está no ar a Edição 270 da Revista UFO. Aproveite!

Julho de 2019

Anunnaki: Aqueles que do céu desceram à Terra