DESTAQUE

Extraterrestres podem já ter visitado a Terra, diz relatório bombástico da NASA

Por
13 de Dezembro de 2021
Apesar de se focar na busca por vida alienígena fora da Terra, a NASA acredita que somos visitados há muito tempo.
Créditos: GettyImages

Os alienígenas podem já ter visitado a Terra, de acordo com a NASA, que está trabalhando “para encontrar sinais inconfundíveis de vida” fora do nosso planeta. A organização disse que, embora ainda não tenha encontrado nenhuma evidência confiável de vida extraterrestre, “não está fechada para a possibilidade” da existência de alienígenas.

Esta informação vem de um relatório da NASA divulgado em novembro sob um pedido de Liberdade de Informação do GovernmentAttic.org. Em uma coleção de e-mails, um funcionário da NASA disse que os primeiros registros alienígenas “(...) são provavelmente 1.440 a.C. ou 2018 d.C., ou não, dependendo da ciência e dos comentários em que acreditamos.”

Isso foi escrito em relação ao “mistério não resolvido” de uma panela na China que remonta a 7.000 a.C. Seu proprietário pediu à NASA uma opinião de especialista sobre a “arte ufológica” da panela, representando uma linguagem simbólica, significados ocultos, naves espaciais futuristas e roupas de uma civilização desaparecida.

Alguém da NASA respondeu: “Sim, se eu fosse um alienígena que visitou a Terra, digamos 7.000 anos atrás ou a qualquer momento, eu também pegaria uma coisa simples na minha frente como um pote de barro para registrar minha visita em vários ‘idiomas’ ou símbolos e dimensões e tecnologias … incluindo 1D, 2D, 3D, 4D, 5D e além de qualquer compreensão aqui agora.”


Seriam os misteriosos desenhos na panela chinesa algum registro de uma entidade alienígena avançada?
Fonte: vice.com

No entanto, ele concluiu que o desenho do pote desafia as leis da física, mostrando aeronaves sem motores, asas ou cauda, “(...) deve ser uma coincidência única.” O documento também abordou relatos de fenômenos aéreos não identificados, mais comumente conhecidos como UFOs. Ele afirmava: “Quando aprendemos sobre fenômenos aéreos não identificados, isso abre a porta para novas questões científicas a serem exploradas.”

“A linguagem dos cientistas são os dados. Mas sem acesso a dados completos, é quase impossível verificar ou explicar qualquer observação”, conclui. Em seguida, foi destacado que o estudo científico dos UFOs está enfrentando um “problema central”, que é a falta de dados robustos, incluindo a falta de acesso às informações já existentes.

Fonte

Já está no ar a Edição 285 da Revista UFO. Aproveite!

Junho de 2021

Quando eles são hostis aos humanos