DESTAQUE

Ex-senador quer tornar mais fácil para testemunhas de UFOs se apresentarem

Por
14 de Janeiro de 2019
Ex-senador Harry Reid
Créditos: Isaac Brekken

O antigo líder dos democratas no congresso norte-americano, ex-senador de Nevada Harry Reid diz que ainda não terminou o estudo do Fenômeno UFO.  Reid disse, na quinta-feira (10),  que está trabalhando para convencer seus ex-colegas no Congresso a levar o fenômeno a sério, quando revelou ter ouvido relatos de militares sobre UFOs. Ele afirmou ao canal KNPR que os membros do exército temem virar motivo de chacota caso comuniquem os avistamentos aos seus superiores.

O político agora faz campanha para que essas pessoas tenham espaço de fala e pede para que os antigos colegas estudem mais sobre ameaças aéreas misteriosas. "Eu vou conversar com membros do senado para que membros do exército possam falar tudo que já viram", afirmou Reid.

"Nós descobrimos que pilotos do exército, toda vez que avistam algo estranho, costumam não comunicar aos seus superiores. Eles temem virar motivo de chacota e nunca receber uma promoção, então muitas, muitas vezes, eles acabam não dizendo nada. O fato é que eles precisam de um lugar para reportar esses avistamentos e eu vou trabalhar, junto com um membro poderoso do congresso, para que eles possam fazer esses relatos. "Eu quero que esse membro do congresso se sente com esses pilotos e escute tudo que ele tem a dizer", concluiu Reid.

A declaração caiu como uma bomba na comunidade ufóloga, que espera ansiosamente pelos desdobramentos dessa história.

O repórter do I-Team, George Knapp, relatou pela primeira vez em 2017, que Reid e dois colegas do senado autorizaram um estudo confidencial do Pentágono sobre UFOs, realizado por um empreiteiro de Las Vegas. Parte do estudo envolveu agora vídeos públicos de encontros entre os militares dos EUA e veículos desconhecidos que eram muito superiores a qualquer coisa conhecida. 

Durante uma entrevista no programa State of Nevada da KNPR , Reid considerou o estudo "incrivelmente importante" e disse esperar que o Congresso facilite o avanço das testemunhas. Reid também disse que visitou várias vezes a Área 51, mas se recusou a descrever a tecnologia ou os projetos que viu na base.

Veja a entrevista legendada aqui:

Fonte: George Knapp,  I- Team/ Canal João Marcelo / Legendas Tunguska

Já está no ar a Edição 264 da Revista UFO. Aproveite!

Janeiro de 2019

Sexo com ETs

UPDATED CACHE