DESTAQUE

Estreia hoje o Projeto Livro Azul para a América Latina pelo History

Por
10 de Agosto de 2019
Ilustração
Créditos: History

A Revista UFO, através do seu editor A. J. Gevaerd, foi convidada para anunciar o lançamento da série “Projeto Livro Azul” na América Latina. O canal History, parceiro da UFO, fará a estreia da série produzida por Robert Zemeckis e estrelada por Aidan Gillen, hoje, 10 de agosto, às 22h30. A produção é inspirada em um programa ultrassecreto da Força Aérea dos Estados Unidos para investigar UFOs nas décadas de 50 e 60.. A série bateu recordes de audiência nos Estados Unidos em sua estreia, com média de 3.4 milhões de telespectadores, tornando-se um dos programas mais vistos da TV. 

  

 

Estreia dia 10/8, sábado, 22h30, pelo canal History

  

O canal History estreia com exclusividade para a América Latina Projeto Livro Azul (Project Blue Book), série original dos A+E Studios e com produção executiva do vencedor do Oscar e Globo de Ouro Robert Zemeckis (De Volta Para o FuturoForrest Gump: O Contador de HistóriasContato).  A produção de dez episódios se baseia nas investigações reais e ultrassecretas sobre os UFOs e fenômenos relacionados, realizadas pela Força Aérea dos Estados Unidos, de 1952 a 1969.

Protagonizada por Aidan GIllen (o Mindinho de Game of Thrones, e que também atuou em Bohemian Rhapsody) e Michael Malarkey (The Vampire Diaries), Projeto Livro Azul é baseado nas experiências pessoais do Dr. J. Allen Hynek, um brilhante professor universitário recrutado pela Força aérea dos Estados Unidos para liderar uma operação secreta (o projeto Livro Azul), que investigou mais de 12 mil casos, dos quais 701 ainda estão sem solução.

  

 

Desde o começo estive fascinado com a ideia de fazer parte de Projeto Livro Azul, porque é baseada em investigações, informações e histórias reais, e em pessoas que existiram de verdade. O fato de a equipe de Zemeckis estar envolvida em sua realização também deu força para a confiança que eu tinha nesse projeto, e certamente este era o tipo de personagem que eu buscava interpretar, diferente de alguém frio e cínico, uma pessoa de família, amorosa e positiva”, conta Gillen. E acrescenta: “Além disso, eu estava familiarizado com o tema sobre UFOs, que é apaixonante. O atrativo tem a ver com o mistério do desconhecido, com não saber o que são aquelas luzes no céu, se são naves espaciais ou cometas; mas acredito que em uma galáxia tão grande como a nossa, em um universo potencialmente infinito, é quase ridículo supor que sejamos as únicas formas de vida”.

 Cada episódio é baseado em arquivos de casos reais, combinando teorias sobre UFOs com eventos históricos autênticos, que aconteceram em uma das épocas mais misteriosos da história dos Estados Unidos. Ao longo da temporada, de forma realista, serão explorados eventos documentados, como o incidente do monstro de Flatwoods, que aconteceu em West Virginia, e as luzes de Lubbock, no Texas, entre outros. Desta forma, a série se aprofunda em temas como a confiança, o instinto, as noticias reais frente às informações falsas e o acobertamento do governo, estendendo-se entre o mundo da ciência e a exploração do desconhecido.

A série também traz no elenco Neal McDonough (ArrowLendas do Amanhã) como o general James Harding, confiante e responsável por dirigir a nova divisão da Força Aérea – Projeto Livro Azul; Michael Harney (Orange is the New BlackSou Nero) como o general Hugh Valentine, crítico e poderoso, que supervisiona e vigia de perto a nova divisão do general Harding; Laura Mennel (Watchmen, O Homem do Castelo Alto) como Mimi Hynek, a leal esposa do Dr. J. Allen Hynek; e Ksenia Solo (Cisne NegroLost Girl) como Susie Miller, uma mulher elegante e atraente, cujo encanto secreto vai além do que pode ser visto.

A série dramática bateu recordes de audiência nos Estados Unidos, com média de 3.4 milhões de telespectadores, tornando-se um dos programas mais vistos da TV a cabo; e sua segunda temporada já está em pré-produção.

 

Veja o teaser da série:

    

Na estreia, o History exibe episódio duplo especial:

No primeiro episódio, A batalha de Fuller, o astrofísico de Ohio Allen Hynek é recrutado pela Força Aérea para participar de um programa secreto que investiga UFOs, chamado Projeto Livro Azul. Junto ao Capitão Michael Quinn, ele investigará o caso de um piloto militar que sobreviveu a um combate aéreo contra uma nave alienígena. 

Em seguida, às 23h20, em O monstro de Flatwoods, o Dr. Hynek e o Capitão Quinn viajam a West Virginia para investigar o caso de uma mulher e seus dois filhos, que presenciaram um disco voador cair perto de seu sítio e viram quando saiu um extraterrestre de seus destroços. O que eles dirão quando forem entrevistados? 

 

Dr. J. Allen Hynek – Interpretado por Aidan Gillen

Um astrofísico brilhante, homem de família e cético, o Dr. J. Allen Hynek é recrutado como o principal assessor científico para o Projeto Livro Azul, o programa de investigação mais secreto da Força Aérea que investiga UFOs. Hynek é o pai da nova ciência de ufologia, e cria o sistema de classificação de “contatos imediatos” de renome mundial, mas à medida que aumentam os casos e as provas, é revelado um perigoso acobertamento, e o inquebrável compromisso de Hynek com a ciência e os acontecimentos se colocará à prova.

Na vida real,  Josef Allen Hynek (1910 - 1986) foi um astrônomo, professor e ufólogo estado-unidense. É lembrado por suas investigações sobre OVNIs: Hynek interveio como assessor científico em três estudos ufológicos do Projeto Livro Azul (1952-1969); posteriormente, durante décadas se dedicou a prosseguir com a investigação em ufologia por sua conta. Seu trabalho buscava a procura de indícios físicos sobre eventuais avistamentos.

  

 Aidan Gillen no papel de J. Aleen Hynek

  

Hynek era inicialmente cético quanto aos UFOs, contudo vários fatos com os quais teve contato o fizeram mudar de opinião, quando se tornou um dos maiores e mais celebrados pioneiros da Ufologia Mundial. Entre outras coisas, denunciava que o Projeto Livro Azul se destinava a relações públicas, e os casos realmente significativos eram acobertados. O Livro Azul foi encerrado em 1970 com a afirmação de que os UFOs não eram uma ameaça à segurança nacional dos Estados Unidos.

Com o fechamento do Projeto Livro Azul, em 1969, Hynek começou a considerar seriamente a formação de uma organização privada, de caráter científico, voltada ao estudo do fenômeno OVNI, composto por cientistas e técnicos de várias especialidades, altamente treinados, que trabalhariam em conjunto para resolver o enigma OVNI. Em 1973, fundou o Center for UFO Studies (Centro de Estudos de UFOs) e foi seu diretor científico até sua morte, em 1986. O CUFOS continua o legado de Hynek através do estudo e análise do fenômeno UFO com seriedade.

  

J. Allen Hynek e A. J. Gevaerd

 

O editor da Revista UFO A. J. Gevaerd foi contemporâneo de J. Allen Hynek. Quando o ufólogo tinha apenas 20 anos já era representante no Brasil do cientista americano cuja vida se baseia a série Projeto Livro Azul. Hynek conheceu Gevaerd em 1983, quando assistia a uma palestra do ufólogo em Brasília, no II Congresso Internacional de Ufologia e se surpreendeu com a qualidade da pesquisa casuística que Gevaerd revelara, relacionando ocorrências ufológicas de 1982, que foi o grande ano de UFOs no Brasil.

Ainda na década de 80, Gevaerd foi convidado por Hynek para representar no Brasil o Center for UFO Studies (CUFOS). Era aguardada a presença de Paul Hynek, filho de J. Allen Hynek,  para a estreia  da série no Brasil, a convite de Gevaerd, mas não foi possível sua vinda por motivo de agenda. 

 

 

Encontro imediato ou contato imediato é um evento em que uma ou mais pessoas percebe a presença de um UFO e, ocasionalmente, seus hipotéticos ocupantes. O sistema de classificação desses encontros mais amplamente aceito foi elaborado por Hynek e apresentado em seu livro The UFO experience: A scientific enquiry, publicado em 1972. Em 1977 participou como assessor no filme de Steven Spielberg Close Encounters of the Third Kind (Contatos Imediatos do Terceiro Grau). O título do filme é uma clara referência a seu sistema de classificação.

 

Veja entrevistas com J. Allen Hynek e entenda por que  é

o pioneiro da Ufologia Mundial e merece uma série dedicada a ele:

 

 

Fonte: Canal History, Canal João Marcelo

Saiba Mais:

Contato Imediato com Dr. Hynek

Hynek, uma vida dedicada à Ciência e à Ufologia

O cético que se tornou um ufólogo: a história de J. Allen Hynek

33 anos sem nosso grande pioneiro


Já está no ar a Edição 270 da Revista UFO. Aproveite!

Julho de 2019

Anunnaki: Aqueles que do céu desceram à Terra