DESTAQUE

Emergem relatos de “estranhos seres” observados nas florestas e no litoral do sul do Chile

Por
15 de Março de 2021
O sul do Chile tem uma boa gama de relatos de seres estranhos nas florestas, como na região de Araucanía.
Créditos: Twitter/@MarcaChile

Recentemente surgiram relatos que falam de humanoides estranhos observados repetidamente nos últimos anos em áreas desoladas do sul do Chile. Uma destas incríveis histórias é a de um jovem estudante identificado apenas como Miguel, de 24 anos, que voltava da universidade, na cidade de Concepción, para sua casa, localizada em uma área rural da região de Araucanía, onde sua família o esperava para passar as férias de fim de ano.

Chegando ao destino, na particularmente quente tarde de 16 de dezembro de 2015, Miguel decidiu se juntar ao irmão, Patricio, de 14 anos, para um passeio de bicicleta pela mata próxima. Depois de pedalarem por cerca de uma hora pelos caminhos acidentados, os dois irmãos decidiram esconder suas bicicletas em um arbusto para correrem pela floresta, na esperança de encontrar água para se refrescarem. Depois de algum tempo de descanso, Miguel sugeriu a seu irmão voltassem para casa antes do pôr do sol, já que ambas as bicicletas estavam desprovidas de luz. Neste momento, os dois irmãos decidiram refazer seus passos para seguir o mesmo caminho.

De repente, eles ouviram um barulho estranho atrás deles, semelhante ao emitido por duas pedras quebrando. Determinados a descobrir a origem do barulho misterioso, os dois irmãos largaram as bicicletas e entraram no mato em frente ao bosque. Com grande espanto, notaram dois estranhos seres humanoides que pareciam olhar para eles atentamente. Segundo a descrição dos dois irmãos, os seres eram enormes, com cerca de três metros de altura e longos braços que pendiam junto ao corpo frágil e desajeitado. Seu olhar aterrorizante enfatizava o tamanho grande da boca particularmente desproporcional.

Seus corpos, além de serem cobertos por uma espécie de traje verde justo, exalavam uma aura muito intensa pela qual se sentia um forte calor, como uma “(...) sensação semelhante ao aproximar os pés de um fogão ou de uma lareira”, disse Patricio. Miguel contou que o espanto o fez cambalear e cair para trás, enquanto o irmão mais novo soluçava paralisado de medo. Com grande esforço, Miguel segurou o irmão pelo braço e os dois fugiram ouvindo os passos dos dois estranhos seres, que pareciam correr atrás deles. Ao voltar para casa, eles contaram à mãe deles, quando ouviram novamente o mesmo som de “pedras” vindo de fora. Intrigado, Miguel olhou pela janela, notando as duas figuras estranhas, que pareciam estar olhando para a casa.


Os retratos falados dos seres, feitos por Miguel (à esquerda) e Patricio (à direita).
Fonte: youtube.com/UFOvni2012

Nesse ponto, as duas entidades misteriosas começaram a inspecionar a área durante um tempo considerável e depois desapareceram na floresta de onde tinham vindo. Essa história incomum lembra outra semelhante registrada em 27 de fevereiro de 2010, na praia de Cobquecura, a mesma data do devastador terremoto que atingiu o centro e o sul do Chile. A testemunha, Carmen Carmona, disse à imprensa: “Por volta das 06h45, quando abri a porta da minha casa de veraneio, preparada para admirar o oceano antes de obedecer ao alerta de evacuação, percebi três estranhas criaturas que pareciam ir em direção ao mar. Chamei meu marido e minha irmã, perguntando se eles conseguiam ver o que eu estava vendo”.

Parecia estranho que alguém tivesse decidido ir para a praia, já que toda a população da cidade estava se refugiando nos arredores e colinas, pois as autoridades tinham emitido uma ordem de evacuação em vista de um possível tsunami. “Quando olhamos mais de perto as três criaturas, percebemos que eram muito magras e altas, medindo cerca de dois metros e meio de altura. Todas as três estavam vestidos com um traje azul escuro estranho e pareciam muito calmos. Assustada com o que estávamos observando, pedi ao meu sobrinho que nos acompanhasse até a parte alta da cidade.” O que parece particularmente estranho é que no mês anterior a este evento eles tinham notado uma luz intensa, que parecia vir de uma montanha próxima, que iluminava quase completamente sua casa de verão. O que estaria acontecendo no Chile, afinal? Quantos outros casos similares não foram relatados?

Fonte

Já está no ar a Edição 274 da Revista UFO. Aproveite!

Novembro de 2019

Anunnakis nas Américas