DESTAQUE

Documentos liberados revelam vídeo do encontro de um piloto com um UFO em 2018

Por
26 de Janeiro de 2022
Cada vez mais casos intrigantes são revelados graças à Lei de Liberdade de Informação.
Créditos: GettyImages

Um piloto da Força Aérea dos Estados Unidos (USAF), pilotando um avião particular, ficou perplexo depois de notar que um UFO espelhava suas manobras. O vídeo e os documentos foram liberados através da Lei de Liberdade de Informação (FOIA).

Um piloto voando em uma aeronave leve Diamond DA40 descreveu um objeto altamente incomum refletindo as manobras de sua aeronave enquanto voava a mais de 2.000 pés acima de Atlantic City, Nova Jersey, em 16 de setembro de 2018. O vídeo, áudio, e documentos sobre o incidente foram liberados através da Lei de Liberdade de Informação (FOIA). O relatório de incidente, assim como a entrevista da Administração Federal de Aviação (FAA) com o piloto, ocorreu logo após o evento.

A pessoa que preenche o documento também é um piloto de uma aeronave de reabastecimento aéreo KC-135 da Força Aérea e está muito familiarizado com esse espaço aéreo específico. O piloto conta inicialmente ter pensado que o objeto fosse um conjunto de balões. Intrigado com isso, ele diminuiu a velocidade para dar uma olhada melhor. Ele descreveu como o objeto subiu junto com ele e parecia ficar intencionalmente em frente a sua aeronave, espelhando sua curva. Ao longo da conversa, o piloto faz várias referências a um vídeo feito por um passageiro, embora ressalte que o vídeo é limitado em detalhes.

De fato, parece haver artefatos de compressão proeminentes no vídeo. Solicitado uma descrição básica do objeto, o piloto indica que, embora estivesse familiarizado com drones, era difícil identificar concretamente o que viu. Ele menciona a estranha antena em forma de V e uma carga útil pendurada na parte inferior do objeto. O piloto descreve a carga como sendo potencialmente uma câmera articulada. Adicionando à descrição física, ele indica que não parecia ser uma aeronave de asa fixa.


Assista acima à filmagem do UFO feita pelo piloto.
Fonte: The War Zone

Em termos do comportamento do objeto, o piloto comenta sobre a eficácia com que o artefato o circulou, especulando que provavelmente estava tentando obter um “vídeo legal” dele. Ele observa que foi “superperigoso.”  Enquanto o controlador de tráfego aéreo luta momentaneamente para descrever os eventos, o piloto ri e diz que foi um avistamento de UFO. Continuando a rir, ele diz, “(...) era um objeto voador não identificado; é claro, se era um alienígena...”

Mais adiante no áudio, o piloto pergunta o que virá de seu relatório, e se seria possível obter mais informações sobre a identidade do objeto. O controlador explica que, embora tenham radar primário capaz de detectar aeronaves sem transponder, eles não captaram o objeto. O piloto observa que isso não é surpreendente, dado o pequeno tamanho do que ele viu, que ele estimou ser cerca de metade do comprimento de sua asa, ou um metro e meio.

Ele também repete que ficou surpreso ao perceber que o objeto não era um balão, e parecia ter uma câmera, além de algumas luzes que pareciam serem de LED. Ele acrescenta que não se parecia com nenhum tipo de aeronave ou drone facilmente reconhecível, exceto que parecia ter quatro possíveis montagens de rotor em cada canto sem os protetores de hélice normalmente vistos em quadricópteros amadores. O controlador pergunta ao piloto: “Você está meio abalado, não está?” O piloto explica que está curioso, principalmente pela velocidade e comportamento inusitados do objeto. O controlador diz: “Você não é o primeiro, só para saber." De fato, os registros da FAA mostram vários outros avistamentos de UFOs nesta área. O áudio pode ser ouvido aqui.

Fonte

Já está no ar a Edição 286 da Revista UFO. Aproveite!

Novembro de 2021

Os segredos ufológicos do Pentágono