DESTAQUE

Diretor demitido por escândalo e voo adiado: o que está acontecendo na NASA?

Por
22 de Maio de 2020
Crew Dragon
Créditos: NASA

O chefe do escritório de voos espaciais humanos da NASA renunciou apenas uma semana antes de a agência lançar astronautas, a partir do Estados Unidos, pela primeira vez em quase uma década. Agora, Elon Musk diz que o lançamento será adiado. A razão seria um escândalo, mas ninguém sabe do que se trata.

 O ano de 2020 continua trazendo situações estranhas e inusitadas e agora, pelo que parece, os Estados unidos sofrerão um revés em seus planos espaciais. Como todos devem saber, o país estava se programando para lançar, um foguete tripulado no dia 27 de maio, em conjunto com a SpaceX de Elon Musk. Um lançamento histórico para o Estados Unidos.

Mas, agora tudo parece incerto e Musk divulgou uma nota dizendo que talvez o lançamento precise ser adiado por causa de condições climáticas. “Precisamos de mar calmo”, disse ele. Mas a questão é se ele realmente se referia ao clima ou à situação dentro da NASA.

Isso por que Douglas Loverro, chefe do escritório de voos espaciais da agência, acabou de se demitir após um escândalo não especificado,  apenas uma semana antes de a SpaceX agendar o lançamento de astronautas em solo americano pela primeira vez desde 2011.

 

Erros pessoais ou questões técnicas?

 
Douglas Loverro Crédito: NASA

De acordo com uma carta obtida pelo site Politico , Loverro disse que saiu "com um coração muito, muito pesado" depois de cometer um "erro" durante seus sete meses na agência espacial. Seu antecessor Bill Gerstenmaier, por outro lado, liderou a divisão de voos espaciais humanos da NASA por quase 15 anos.

"Os riscos que assumimos, sejam eles técnicos, políticos ou pessoais, têm consequências em potencial se os julgamos incorretamente", escreveu Loverro. "Assumi esse risco no início do ano porque julgava necessário cumprir nossa missão".

Para encurtar a história, não temos ideia sobre qual foi o "erro" de Loverro. Dois funcionários do setor disseram ao Politico que ele foi demitido pelo administrador da NASA Jim Bridenstine, mas Loverro negou essa alegação.

"Agora, no balanço do tempo, está claro que eu cometi um erro nessa escolha pela qual só eu devo suportar as consequências", escreveu ele em sua carta, afirmando que sua demissão foi devido a suas próprias ações pessoais e que nada tinha a ver com o que "realizamos juntos".

 

Drama a caminho

 
Os astronautas da NASA Doug Hurley e Bob Behnken dentro do Crew Dragon
Crédito: SpaceX

O momento é, de fato, imensamente preocupante. Na próxima semana, a SpaceX planeja enviar sua espaçonave Crew Dragon para a Estação Espacial Internacional com os astronautas da NASA Bob Behnken e Doug Hurley a bordo, um lançamento potencialmente histórico que a NASA e a empresa deveriam comemorar.

O jornalista espacial da revista Ars Technica  Eric Berger, disse ao site  Business Insider que o drama estava mais provavelmente relacionado aos quase USD 1 bilhão em contratos para pousos lunares que foram anunciados recentemente.

"Para deixar claro: a demissão de Loverro na verdade não teve nada a ver com a missão Demo-2 da SpaceX, até onde eu sei"tuitou Berger na terça-feira. "Mas é seguro dizer que podemos esperar mais drama nos próximos oito dias".

Fonte: Futurism. com 

Veja abaixo um video com a história da NASA:

Já está no ar a Edição 267 da Revista UFO. Aproveite!

Abril de 2019

Um metal extraterrestre