DESTAQUE

Descobridor da múmia peruana se apresenta na noite desta sexta-feira

Por
30 de Junho de 2017
No hangout desta sexta-feira estarão Alcione Giacomitti, Mônica de Medeiros e A. J. Gevaerd
Créditos: Arquivo

A maior polêmica da Ufologia Mundial em 2017 foi o anúncio da descoberta, na região de Nazca, Peru, de uma misteriosa múmia de coloração esbranquiçada. Ao contrário de muitas outras encontradas nesse ponto do planeta, esta possui, além do crânio alongado e muito diverso dos humanos, grandes órbitas oculares e mãos e pés com três longos dedos. A descoberta foi anunciada pelo site Gaia.com, e vários pesquisadores afirmam se tratar de um ser extraterrestre. Naturalmente são também pesadas as acusações de fraude, e as primeiras análises via carbono-14 indicam que a múmia data de 245 a 410 A. C. Além disso possui muita semelhança com desenhos rupestres presentes na região de Nazca, e que mostram seres de grandes olhos e três dedos.

O descobridor da múmia foi o francês Thierry Jamin, investigador, arqueólogo e historiador. Ele tem uma longa carreira de pesquisa dos mistérios arqueológicos do Peru, especialmente de sua região amazônica e da presença de civilizações pré-incaicas e também dos incas ali, incluindo da misteriosa cidade perdida de Paititi. Jamin além disso pesquisou a região de Madre de Dios onde investigou as chamadas pirâmides de Paratoari, além dos petroglifos de Pusharo. Organizou diversas expedições arqueológicas no sudeste peruano, incluindo os sítios arqueológicos de Mameria, e descobriu ao lado de sua equipe várias cidades perdidas nos vales de Lacco e Chunchusmayo. Outra descoberta de Thierry Jamin foi a de estradas pavimentadas com pedras que levam ao norte, na direção do Santuário Nacional de Megantoni.

De acordo com relatos dos nativos Matsiguengas, a região atravessada por essas estradas esconde ruínas monumentais muito semelhantes a Machu Picchu. Thierry Jamin estará ao vivo nesta sexta-feira, 30 de junho às 20h00 em um hangout ao vivo com o pesquisador Alcione Giacomitti, no qual irá revelar as mais recentes informações sobre o achado da múmia de um ser supostamente extraterrestre na região de Nazca. Giacomitti é consultor da Revista UFO e diretor da operadora de turismo Terra Inca, e já organizou diversas expedições arqueológicas para regiões habitadas pelas civilizações pré-colombianas. Do hangout também participará Mônica de Medeiros, conselheira especial da Revista UFO e fundadora da Casa do Consolador, médica cirurgiã, sensitiva e contatada, além de coautora, ao lado de Margarete Áquila, de Projeto Contato I e Projeto Contato II da Coleção Biblioteca UFO. Também participará o editor da Revista UFO, A. J. Gevaerd, fundador da publicação que existe há 35 anos, a mais antiga dedicada à pesquisa ufológica no planeta.

crédito: Alcione Giacomitti
O descobridor da múmia supostamente alienígena, Thierry Jamin, estará ao vivo nesta sexta-feira falando sobre o achado
O descobridor da múmia supostamente alienígena, Thierry Jamin, estará ao vivo nesta sexta-feira falando sobre o achado

Múmia de Nazca: A Verdade, hangout ao vivo, sexta-feira, 30 de junho, 20h00

Assista ao Hangout no canal de Alcione Giacomitti no Youtube

Confira a chamada para o hangout desta noite

Visite este site sobre a pesquisa da cidade de Paititi

Anunciada descoberta de possível múmia extraterrestre em Nazca

No Dia Mundial dos Discos Voadores, a Revista UFO dá um presente para a Ufologia Brasileira

Tablete de pedra de 13.000 anos descreve impacto de cometa

Os astronautas perdidos e os misteriosos discos de pedra

Somos Todos ETs é o mais novo livro da Biblioteca UFO

Saiba mais:

Livro: Vimanas: Veículos Voadores de Nossos Antepassados

crédito: Revista UFO
Vimanas: Veículos Voadores de Nossos Antepassados
Vimanas: Veículos Voadores de Nossos Antepassados

As provas de que a humanidade conviveu com outras inteligências cósmicas há milênios, aqui na Terra e de forma aberta, estão neste livro. Naves cintilantes cortam os céus a grandes velocidades. São de vários formatos e tamanhos, todas com elevada tecnologia. Nelas não se veem motores nem asas, são movidas por sistemas de propulsão silenciosos. Muitas vezes descem ao solo, aterrissam e seus tripulantes – de formato humano – encontram-se com observadores estupefatos diante do que veem. Não raramente, as privilegiadas testemunhas são convidadas a viajar nestes incríveis veículos, e algumas, surpreendentemente, podem até pilotá-los.

DVD: Nossos Deuses Astronautas

Já está no ar a Edição 242 da Revista UFO. Aproveite!

Janeiro de 2017

2017, um ano a ser comemorado

UPDATED CACHE