DESTAQUE

Como foi o 9° Encontro Ufológico de Peruíbe

Por
19 de Maio de 2013
Um dos destaques foi a apresentação de Toni Inajar sobre aparições de estranhos seres
Créditos: Renato Azevedo

Com um mês de diferença em relação às edições anteriores, foi realizado entre 17 e 19 de maio o 9º Encontro Ufológico de Peruíbe. Após o início dos trabalhos, na sexta-feiraà noite, com a recepção ao público, cerimônia de abertura e apresentação dos conferencistas, o sábado foi integralmente dedicado às apresentações que abordaram os mais diversos aspectos da Ufologia. O Encontro é uma promoção da Prefeitura Municipal de Peruíbe, que pela terceira vez seguida convoca a Revista UFO para organizá-lo.

O editor da UFO e coordenador do evento, A. J. Gevaerd, abriu os trabalhos na noite do dia 17 agradecendo mais uma vez o inestimável apoio da administração daquela estância balneária e apresentando todos os conferencistas. Também explicou os motivos que causaram a ausência de Colin Andrews e seu substituto, Donald Schmitt, que não conseguiram comparcer.Mas sua ausência não diminuiu o brilho do evento.

As palestras no sábado foram iniciadas pelo consultor Renato Azevedo, falando a respeito da importância da ficção científica e da ciência para a Ufologia. Apresentou vários universos em livros, seriados e filmes que tanto foram inspirados por casos reais de contato extraterrestre, servindo também como estudo para diversas situações no estudo ufológico. O também consultor Fábio Gomes apresentou uma detalhada análise quantitativa sobre o Fenômeno UFO, detalhando casos de terceiro, quarto e quinto graus acontecidos no século 20. Na parte sobre abduções, uma das constatações mais surpreendentes, segundo Gomes, foi a minoria da presença dos grays entre seus perpetradores.

A importância da pesquisa na Ufologia

Wallacy Albino apresentou informações atualizadas a respeito da importância da pesquisa de campo, exemplificando com seu já longo trabalho de investigação na Baixada Santista. Ricardo Varela mostrou como são analisadas fotos e filmes onde aparecem alegados discos voadores, comentando que filmes obtidos até meados dos anos 90 são extremamente valiosos para a Ufologia, devido à tecnologia de efeitos especiais na época ser muito cara, dificultando seu uso para produzir fraudes. Destacou como é fácil hoje produzir falsas imagens, o que é possível mesmo com aplicativos para celulares que inserem imagens de UFOs em qualquer foto, adicionando inclusive a iluminação apropriada para aquele ambiente. Um dos casos que destacou foi o de Capão Redondo, ocorrido em 02 de janeiro de 1998, que Varela analisou de forma exemplar ao lado do saudoso Claudeir Covo.

Com o tema Estranhas Aparições de Seres Não Identificados, Toni Inajar revisitou vários casos de aparições, lendas e elementos do folclore de diversos povos. Ele as analisou sob a ótica ufológica e comparando as descrições com modelos de classificação de seres extraterrestres, mencionando, inclusive, a que foi elaborada pelo novamente citado Claudeir Covo. Entre os seres estão o mothman, o slender man que tem sido comentado no hemisfério norte nos últimos anos, e figuras do folclore brasileiro, como a Mãe do Ouro, o Boitatá, a Anhangá, a Caapora e outros.

Mônica de Medeiros, como costuma habitualmente acontecer, apresentou uma concorridíssima palestra sobre a intervenção extraterrestre na raça humana, exemplificando com suas próprias experiências que descreve como tendo se iniciado quando era criança. Desde então tem se aprofundado na temática, exercendo um importante trabalho social na Casa do Consolador em São Paulo. A. J. Gevaerd apresentou-se detalhando os importantes avanços para a Ufologia que foram a reunião histórica de 18 de abril de 2013, no Ministério da Defesa, de autoridades das Três Armas com a Comissão Brasileira de Ufólogos, além das recentes Audiências Públicas de Abertura, em Washington, nos Estados Unidos.

crédito: Renato Azevedo
O banner oficial do evento na entrada do Espaço Vitória Régia
O banner oficial do evento na entrada do Espaço Vitória Régia

A seguir falou Edson Boaventura Júnior descrevendo a longa pesquisa envolvendo os fenômenos de Iporanga. Situada na região sul do estado de São Paulo e conhecida como Capital das Cavernas, possui uma das mais intensas casuísticas do Brasil, envolvendo avistamentos de luzes não identificadas, seres estranhos, e até casos de abdução. O folclore local é rico em descrições como a Mãe do Ouro, a Bola de Fogo e Assombração. Boaventura apresentou fotos obtidas na região e casos investigados desde 1990, comprovando ser esse um dos melhores locais do Brasil para observação de UFOs.

Gevaerd lembrou que brevemente, nos próximos meses, haverá uma nova liberação de documentos classificados da Força Aérea Brasileira, contemplando inclusive papéis ainda não liberados da Operação Prato, e comentou a reunião ocorrida durante o evento de Washington em que foi acertado um trabalho, a ser realizado em diversos países, com o fim de levar o assunto UFO ao plenário da Organização das Nações Unidas (ONU). Finalmente, os trabalhos foram encerrados com a apresentação de Marco Petit, exibindo seus estudos sobre as fotos de Marte liberadas pela NASA e outras agências espaciais. Ele destacou como a ciência tem auxiliado a Ufologia a localizar evidências de vida passada na superfície daquele planeta, onde existem elementos que levantam a supeita de construções artificiais, e que a própria agência espacial parece ter a intenção de levar os pesquisadores a fazer essas espantosas descobertas sobre o passado do planeta vizinho, embora continue negando ter provas de vida alienígena.

Infelizmente, as chuvas constantes que se abateram sobre o litoral ao longo de todo o final de semana impediram a realização da vigília ufológica e o evento se completou na manhã do domingo com o roteiro. Peruíbe é uma cidade pioneira no Brasil na forma como trata o assunto, organizando há quase uma década o encontro ufológico que já é bem conhecido e prestigiado pela população local. É um exemplo da seriedade com que a fundamental questão ufológica deve ser encarada por todos e certamente ufólogos, pesquisadores e entusiastas se reunirão novamente em 2014, quando o Encontro Ufológico de Peruíbe completará 10 anos de existência.

Confira a síntese do 8º Encontro Ufológico de Peruíbe

O primeiro roteiro ufológico do país

Veja fotos da edição 2011

Confira imagens do evento de 2012

Ministério da Defesa e ufólogos acertam canal de comunicação inédito no mundo

Declaração final das Audiências Públicas sobre Abertura

Começa na próxima sexta o 9º Encontro Ufológico de Peruíbe

Saiba mais:

Livro: Contatados


crédito: Revista UFO
Contatados
Contatados

Um dos mais fascinantes e polêmicos aspectos do Fenômeno UFO é agora dissecado por um dos mais produtivos ufólogos brasileiros. O historiador Cláudio Tsuyoshi Suenaga, consultor da Revista UFO, apresenta dezenas de casos de alegados encontros entre humanos e seres extraterrestres ocorridos em todo o mundo, que são descritos, analisados e comparados de maneira imparcial e histórica.

DVD: UFOs e ETs na Amazonia

Já está no ar a Edição 200 da Revista UFO. Aproveite!

Maio de 2013

Escrevendo a história da Ufologia Brasileira