DESTAQUE

Cientistas lançarão três terabytes de novos dados sobre UFOs em 2022

Por
15 de Dezembro de 2021
A equipe da UAPx quer transparência na divulgação das investigações.
Créditos: UAPx

A pesquisa de UFOs por grupos de cientistas já começou, incluindo a de um grupo chamado UAPx, cujo objetivo principal é pesquisar UFOs enquanto fornece acesso direto ao público em geral aos dados revisados e analisados. Para 2022, eles esperam liberar uma quantidade enorme de estudos, arquivos, fotos, filmes e evidências.

“A UAPx projeta, testa, implementa e usa equipamentos especializados para preencher lacunas na tecnologia de sensores identificadas pelo governo dos Estados Unidos. Funcionando como um análogo civil da UAPTF, AOIMSG e outros escritórios do governo norte-americano, fornece pesquisa, educação, inspiração e desenvolvimentos tecnológicos no estudo de fenômenos aéreos não identificados”, diz um comunicado divulgado pelo ufólogo Ryan Sprague ao site Medium.

“Onde for legalmente permitido, o UAPx fornecerá ao mundo dados revisados e analisados, bem como todos os dados brutos, assim que identificarmos e protegermos os servidores e armazenamento certos para a tarefa. O que é compilado por nossa equipe é a coleção mais significativa de dados científicos sobre UFOs/UAPs. A UAPx aderiu a uma metodologia científica rigorosa na coleta de dados, permitindo a análise de especialistas e incentivando a revisão por pares para possível publicação em uma ou mais revistas científicas”, acrescenta.

Esses dados incluem mais de 600 horas de vídeo infravermelho de várias câmeras FLIR; um total combinado de três terabytes de imagens em várias plataformas de câmeras. Sprague destaca que a análise desses dados revela um número significativo de objetos e fenômenos anômalos que ainda estão sendo examinados antes da publicação. Além disso, afirmou que a natureza e o tipo das informações captadas podem implicar na prova definitiva da presença de objetos voadores não identificados em nosso planeta.


A UAPx é uma organização civil totalmente voluntária e não financiada.
Fonte: UAPx

Os físicos da UAPx, doutor Kevin Knuth e o doutor Matthew Szydagis, com a assistência de todos os membros da equipe UAPx, desenvolveram e implantaram algoritmos de aprendizado de máquina que estão analisando dados de vários instrumentos; eles escreverão as descobertas para garantir a publicação em revistas científicas de alto impacto em diferentes campos da física e ramos relacionados da ciência. Esse processo requer meses de análise e redação e pode levar mais de um ano, dependendo das descobertas.

Revisões cegas externas por pares estão disponíveis, as quais seguem o método científico para publicação. A UAPx espera encontrar editores de periódicos dispostos a considerar os manuscritos, apesar do tópico controverso envolvido. O esforço de publicação é uma batalha difícil e pode causar mais atrasos na divulgação geral dos resultados. Essa mudança encontrou o ambiente ideal para prosperar graças às recentes revelações sobre avistamentos de pilotos da Marinha, um fato que forçou as agências governamentais a levar os UFOs a sério - e, portanto, também o estabelecimento científico.

Acesse www.uapexpedition.org para saber mais.

Fonte

UFO Recomenda

Já está no ar a Edição 285 da Revista UFO. Aproveite!

Junho de 2021

Quando eles são hostis aos humanos