DESTAQUE

CIA libera documentos ufológicos

Por
29 de Janeiro de 2016
Foto de suposto UFO obtida em 1952 por George Stock, parte dos arquivos liberados pela CIA
Créditos: Arquivo

A Agência Central de Inteligência (CIA) foi assunto de muito debate na Ufologia Mundial nos últimos dias, após publicar em seu site dez passos para realizar uma adequada investigação ufológica. As orientações, de acordo com o texto, foram baseadas nos vários anos que a agência manteve uma estrita e ainda pouco divulgada investigação quanto aos UFOs. A CIA ainda liberou alguns documentos, chamando-os de seus Arquivos-X, como uma referência à retomada da série homônima pelo canal Fox.

A agência chegou a separar os documentos entre os que o agente mais aberto a fatos estranhos, Fox Mulder, preferiria, e aqueles com análises frias e objetivas, que seriam os preferidos de sua parceira, a agente Dana Scully. De se notar que nenhum dos papéis liberados coloca de lado a possibilidade de alguns avistamentos de UFOs poderem ter uma explicação relacionada a extraterrestres. Um memorando de janeiro de 1953, a respeito de um dos painéis consultivos da CIA, aponta: "Foi interessante notar que nenum dos membros se mostrou relutante em aceitar a visita de extraterrestres em algum momento. O que eles não ancontraram foi alguma evidência sólida de que algum caso fosse de fato ligado a viajantes espaciais".

Ainda mais interessante, o documento prossegue: "Um dos membros do Painel, em sua apresentação, mostrou como havia eliminado cada possível e provável causa conhecida para explicar alguns avistamentos e de acordo com ele a explicação relacionada a extraterrestres foi a única que seria passível de explicar alguns dos casos. Sua experiência como engenheiro aeronáutico e oficial de Inteligência técnica não pode ser menosprezada. Contudo, o Painel terminou por não aceitar os casos que mencionou, por não terem sido avaliados anteriormente". Em outro documento, datado de 1952 e intitulado Discos Voadores, afirma-se que de todos os casos analisados a maioria tinha explicações convencionais, porém um pouco menos de 100 permaneciam inexplicáveis. O documento recomenda que a CIA continue a investigar e alerta: "É fortemente recomendado, entretanto, que nenhuma informação a respeito do interesse e da preocupação da CIA quanto aos UFOs chegue à imprensa ou ao público".

DIVULGAÇÃO DE DOCUMENTOS COMO MERA PROPAGANDA?

Outro dos documentos explica como obter boas fotos de UFOs: "Tire várias fotos do objeto, quantas puder e conseguir. Se possível, enquadre o solo". A polêmica se instalou no meio ufológico e Stephen Bassett, diretor executivo do Paradigm Research Group (PRG), disse acreditar que a divulgação é um esforço da CIA para salvar as aparências, enquanto acontece um esforço pouco noticiado para preparar o público para a admissão da existência de alienígenas. Bassett comentou: "Parece que a CIA aproveitou o retorno de Arquivo-X para, de forma conveniente, lembrar o público de que a agência já esteve envolvida com o assunto da presença extraterrestre no passado. Após o fim do embargo quanto às informações sobre UFOs, a CIA terá dificuldades em termos de relações públicas, devido ao papel que desempenhou na manutenção do acobertamento por mais de seis décadas. Essa divulgação atual pode auxiliar na futura estratégia de relações públicas da agência".

Confira os arquivos recentemente liberados pela CIA, acompanhando o renovado interesse mundial nos UFOs graças à série Arquivo-X

O papel da CIA no estudo dos UFOs, de 1947 a 1990

Hillary Clinton promete liberar informações sobre UFOs

Funcionários da CIA falam sobre a Área 51 em evento

Novo livro fala da ligação da CIA com os UFOs

CIA indica como investigar casos de discos voadores

Retorno de Arquivo-X é um grande sucesso

Saiba mais:

Livro: Quedas de UFOs II

crédito: Revista UFO
Quedas de UFOs II
Quedas de UFOs II

Já sabemos que os polêmicos discos voadores são espaçonaves procedentes de planetas mais desenvolvidos do universo, construídos por civilizações extraterrestres com o emprego de uma tecnologia ainda desconhecida e muito mais avançada do que a nossa. Mas, apesar de tamanho avanço tecnológico, estas máquinas parecem não ser infalíveis e em diversas situações já foram vistas apresentando defeitos durante seu voo e até mesmo acidentando-se em solo terrestre, levando à morte seus ocupantes alienígenas. Este livro é a segunda edição do trabalho do coeditor da Revista UFO Thiago Luiz Ticchetti sobre tais impressionantes ocorrências.

DVD: Aliens e a Casa Branca

Já está no ar a Edição 220 da Revista UFO. Aproveite!

Fevereiro de 2015

Dia do encontro ou reencontro?

UPDATED CACHE