DESTAQUE

Alienígenas podem ter tecnologias além da matéria

Por
29 de Dezembro de 2015
Civilizações alienígenas milhões de anos mais adiantadas podem ter tecnologias indectáveis para nós
Créditos: NASA

Em seu livro The Eerie Silence, lançado em 2010, o físico e divulgador científico Paul Davies escreveu: "Acredito que é muito provável, na verdade inevitável, que inteligência biológica é um fenômeno transitório. Se alguma vez encontrarmos inteligência extraterrestre, deverá ser de natureza pós-biológica". Sir Martin Rees, Astrônomo Real da Grâ-Bretanha, é outra figura da ciência que tem defendido a mesma ideia, e eles vão mais longe, dizendo que a tecnologia alienígena, talvez com milhões de anos à nossa frente, seria vista por nós como mágina ou um milagre, talvez mesmo incompreensível diante de nosso conhecimento atual.

Em seu livro, Davies ainda sugere que os extraterrestres podem ter uma tecnologia que sequer sej baseada em matéria. Pode não ter tamanho ou forma fixos, sendo dinâmica em todas as escalas de espaço e tempo. Além disso poderia aparecer como algo que sequer poderíamos discernir, como um sistema um sistema e não coisas separadas. O físico escreveu que, há 500 anos, o conceito de um aparelho manipulando informação ou software teria sido incompreensível. Ele especula que poderia haver um nível tecnológico além do que conhecemos hoje, manipulando elétrons ou outras partículas elementares. Esse terceiro nível tecnológico, então, nunca seria observável do nível da matéria ou da informação. Níveis ainda mais elevados de desenvolvimento tecnológico seriam absolutamente incompreensíveis e indetectáveis diante de nosso conhecimento atual.

susan Schneider, da Universidade da Pensilvânia, concorda. Ela vai ainda mais além em seu estudo Alien Minds (Mentes Alienígenas), afirmando que inteligências artificiais já estão lá fora, pelo Universo, e tem estao por éons. Em seu estudo ela questiona como os alienígenas pensam, como é sua experiência conscience, e aponta que saber que não estamos sozinhos no Universo seria uma profunda realização, e o contato com uma civilização alienígena poderia levar a impressionantes realizações tecnológicas e desenvolvimentos culturais. Schneider afirma: "Não acredito que muitas civilizações avançadas seriam biológicas, a maior parte das mais sofisticadas seriam pós-biológicas, formas de inteligência artificial ou uma superinteligência alienígena".

MILHÕES DE ANOS À NOSSA FRENTE

O programa SETI tem buscado sinais de civilizações alienígenas biológicas. A cultura terrestre tem frequentemente apresentado os ETs como seres semelhantes aos humanos, com cabeças grandes e portanto mais inteligentes. Susan Schneider apresenta observações que apontam para a superinteligência alienígena. Primeiro a pequena janela de observações, pois quando uma sociedade cria a tecnologia para explorar o Cosmos, está a somente poucas centenas de anos de mudar sua forma de vida de biológica para a inteligência artificial (AI). Nossa tecnologia tem se desenvolvido exponencialmente, com o primeiro sinal de rádio cerca de pouco mais de um século atrás, e a exploração espacial se iniciando há 50 anos. Atualmente, a maior parte de nossa tecnologia é digital.

O segundo argumento é a probabilidade de civilizações alienígenas serem muito mais adiantadas que nós, possivelmente com uma duração de até 1,7 ou 8 bilhões de anos. Schneider acredita que o desenvolvimento para formas de vida pós-biológicas é inevitável, pois isso permitiria algo próximo da imortalidade, e a sobrevivência diante de uma enorme variedade de condições, muito além do que são capazes criaturas biológicas baseadas em carbono e água como nós. Além disso, a velocidade de processamento de neurõnios é de cerca de 200 Hz, sendo que os atuais microprocessadores superam isso em sete ordens de magnitude. Assim, de acordo com Susan Schneider, civilizações alienígenas podem ser milhões ou bilhões de anos mais antigas que a nossa, e evidentemente muito mais inteligentes, a um nível que seria incompreensível para nós.

Visite o site de Susan Schneider

Leia seu trabalho Alien Minds

Conheça The Eerie Silence de Paul Davies

Astrônomo Real afirma que alienígenas provavelmente serão máquinas

Stephen Hawking participa de projeto para encontrar alienígenas

Civilizações alienígenas avançadas, como procurar?

Civilizações extraterrestres podem ser denunciadas por atmosferas exoplanetárias

Apresentador diz que aliens podem ter visitado a Terra e não encontrado sinal de inteligência

Michio Kaku afirma que podemos não ser interessantes para os alienígenas

Cometas podem explicar estranho comportamento de estrela

Saiba mais:

Livro: Guia da Tipologia Extraterrestre

crédito: Revista UFO
Guia da Tipologia Extraterrestre
Guia da Tipologia Extraterrestre

Há séculos a espécie humana assiste à chegada de estranhos seres geralmente bípedes e semelhantes a nós, que descem de curiosos veículos voadores sem rodas, asas ou qualquer indício de forma de navegação. Quase sempre estas criaturas têm formato humanoide e não raro se parecem com uma pessoa comum, mas com um problema: elas não são daqui, não são da Terra. O que pouca gente sabe é que existem dezenas de tipos deles vindo até nós, alguns com o curioso aspecto de robôs, outros se assemelhando a animais e há até os que se parecem muito com entidades do nosso folclore. O Guia da Tipologia Extraterrestre faz uma ampla catalogação de todos os tipos de entidades já relatadas, classificando-as conforme sua aparência e características físicas diante de suas testemunhas, resultando num esforço inédito para se entender quem são nossos visitantes.

DVD: Buscando Vida Fora da Terra

Já está no ar a Edição 217 da Revista UFO. Aproveite!

Novembro de 2014

A descoberta de novos mundos

UPDATED CACHE