DESTAQUE

A vida nas cavernas de Marte será explorada pela NASA

Por
05 de Março de 2020
Astronautas explorando Marte
Créditos: NASA

Assim como a viagem à Lua era o assunto nas décadas de 50 e 60, Marte é o assunto da época atual, porque é o grande objetivo de agências espaciais colocar no solo do Planeta Vermelho seus astronautas.

 

O planeta MArte árido e frio que todos estamos acostumados a ver em fotos e filmagens nem sempre foi assim e é quase consenso que um dia ali houve água corrente e outro tipo de clima. Acredita-se, também, que a vida tenha florescido por lá, por isso há um grande empanho para se encontrar algo que comprove que nosso vizinho já foi um mundo vivo.

Agora, talvez, isso comece a mudar e a tal “prova de vida marciana” esteja mais próxima de ser encontrada. Enquanto a NASA se prepara para enviar uma missão ao planeta no meio deste ano, uma imagem recém-divulgada do que parece ser uma caverna subterrânea no Planeta Vermelho está levantando questões.

O alvo da vez é a cratera, localizada no vulcão Pavonis Mons, foi vista pela primeira vez quando a sonda Mars Reconnaissance Orbiter a fotografou em 2011.

 

As cavernas de Marte

 
Cratera no vulcão Pavoni Mons. Crédito: NASA

“O local, mostrado em cores representativas, parece ser uma abertura para uma caverna subterrânea, parcialmente iluminada à imagem”, escreveu a NASA em uma postagem. "A análise dessas imagens e das imagens de acompanhamento revelaram que a abertura tem cerca de 35 m de diâmetro, enquanto o ângulo interno da sombra indica que a caverna subjacente tem aproximadamente 20 m de profundidade".

Os pesquisadores ainda não sabem bem como a cratera se formou nem conhecem toda a sua extensão.

No entanto, continua sendo um local interessante para a busca por vida, porque cavernas subterrâneas ou submarcianas, “são candidatos relativamente bons para conter a vida e são alvos principais para futuras explorações”, escreveram os autores, Robert Nemiroff e Jerry Bonnell.

 

Helicópteros marcianos

 
Protótipo do helicóptero que será enviado a Marte. Crédito: NASA

O veículo espacial Mars 2020, com lançamento previsto para 17 de julho, tentará detectar se há evidências fossilizadas de seres extraterrestres, além de outras tarefas.

Quando chegar à superfície marciana em 18 de fevereiro de 2021, ele se juntará ao rover Curiosity que ainda está ativo e ao Opportunity já falecido.  Ao contrário de seus companheiros, o Mars 2020 levará o “primeiro helicóptero que voará em outro planeta”, acrescentou a NASA.

O objetivo de longo prazo da agência é enviar uma missão tripulada a Marte na década de 2030.

Fonte: Fox News

Se você acredita que Marte teve mais do que vida bacteriana, você precisa conhecer o trabalho do autor Mike Bara, astro da séria Alienígenas do Passado, que se apresentará no XXV Congresso Brasileiro de Ufologia, ocasião na qual lançará seu livro Annunaki em Marte.

Veja um video sobre imagens de Marte feitas pelos roves Curiosity e Opportunity:

Já está no ar a Edição 258 da Revista UFO. Aproveite!

Junho de 2018

Que tecnologia é esta?