DESTAQUE

A vaca que caiu do céu e outros mistérios argentinos

Por
18 de Outubro de 2018
Caso de uma mutilação de gado na Argentina
Créditos: Andrea e Silvia Simondini

Nestes últimos dois meses, o Visión OVNI  [Investigacion cientifica del fenomeno OVNI na Argentina] foi a campo atrás de vários eventos relacionados à estranha morte de animais. Santa Fé, Entre Rios, Buenos Aires, Rio Negro, todas as províncias, que transformaram seus casos nas primeiras páginas dos jornais provinciais e nacionais. Mas, o que é verdade nesses casos? Os eventos são realmente tão extraordinários quanto os indicados nas manchetes?

As investigadoras de campo Andrea Simondini e Silvia Simondini decidiram investigar a localidade de Ojo de Agua, em Santiago del Estero, em virtude de que o aparecimento de luzes ao redor dos casos também foi denunciado. "Casos associados" são  como elas chamam aqueles que concentram as investigações hoje e, especialmente, quando estão no tempo e no espaço do surgimento de mutilações.

Andrea, chegando a Ojo de Agua, percebeu que abriu uma verdadeira "Caixa de Pandora" com a descoberta de eventos do passado, que estavam esperando silenciosamente para vir à luz. "A satisfação da pesquisa de campo é justamente essa, a descoberta. Os caminhos dos lugares pavimentados e áridos não são um impedimento para a busca de informações", diz Andrea.

O Hotel Independência, local que sua equipe se hospedou, tornou-se um centro de operações e, em vez de receber reclamações, a população veio deixar depoimentos de suas experiências e queriam contar sobre a vaca que caiu do céu. 

Embora todos na cidade saibam do caso, as informações eram difusas, eles não sabem como localizar a área precisamente na estância Chacras Sur, onde ocorreu o fato, e o nome do produtor que testemunhou parecia estar oculto como num pacto de silêncio. A equipe foi então para o local, confiando no instinto de que em algum lugar chegariam e não estariam errados, apenas que quase deixaram o carro por causa da estrada.


O Caso Roque Sanchez

Quando receberam a informação do destino, sabiam que estavam diante de 30 km de estrada de chão. Pararam a 27 km de uma casa onde viram pessoas e perguntamos sobre o caso da mutilação há alguns anos. Surpresa! A pessoa que lhes falou era a irmã da testemunha, que gentilmente contou como ir até a casa do irmão, que agora tinha um nome, Roque Sánchez. A figura de Don Sánchez apareceu de dentro de uma sala, conversaram e decidiram por gravar o relato que trouxe mais um caso interessante.

Ouça a entrevista:

Não é necessário contar a surpresa que levou a equipe a conhecer os detalhes do que chamam de caso associado. Uma luz que todos os vizinhos viram e depois da sua passagem, o animal morto apareceu.

Roque fazendo o desenho de seu avistamento:

Roque desenhou o que ele observou na noite da morte do animal e concordou muito gentilmente em compartilhar com a equipe. 

Eis o desenho direto da testemunha:

Roque Sanchez, não só contou o caso, como convidou a  equipe para ficar um pouco mais em casa e participar de uma palestra sobre os vestígios arqueológicos surgidos na área. E entre os comentários, ele disse: "Você quer ver algo que encontramos na época?” Todos disseram em coro que sim e ele os levou até uma porta para o quintal. De repente, ele ficou ao lado de um galpão e olhou para o chão, enquanto tentava acender uma lanterna. “...olhem!” disse  ele com uma fraca luz amarelada iluminando a escuridão e mostrando uma pedra com um furo no centro. Ficaram surpresos ao ver diante deles uma ferramenta das culturas originais do lugar. O que mais poderiam pedir? Bem, todos disseram: "A luz que você viu deve passar".

Surgiu o sobrenome de Villarroel  e continuaram procurando a vaca que caiu do céu.

 O Caso de  Pasión Villarroel

Andrea diz ser incrível como o caminho da pesquisa infecta a energia da busca. Enquanto estavam entrevistando um outro caso no Hotel Independência, surgiram comentários da testemunha da mutilação do gado. Assim que terminaram a entrevista com o colaborador, agora de um dado também de mutilação, foram até a casa do senhor Pasión Villarroel, para ver o que  era realmente o caso dele. Villarroel diz que não pode tirar da sua cabeça as imagens e explica cm gestou o touro caiu. O título, de acordo com a história do homem é "O Touro que caiu do céu".

Pasíon Villarroel em seu relato a Silvia Pérez Simondini:

Se esses homens, acostumados a criar animais durante toda a vida, mostram seu espanto, passam sua surpresa com emoção e medo de como os animais aparecem, como não dar a eles pelo menos a atenção? Andréa se pergunta após a entrevista e conclui: “Nada indica que esses homens fabulosos, talvez a estranheza do caso, possam fazê-los exagerar na descrição dos fatos. Mas não temos dúvidas de que eles haviam testemunhado na descoberta, o fato direto de que o animal havia caído das alturas”.

A pesquisadora explica que mesmo depois desse caso, embora pareça espetacular, não era o que estavam procurando. "A pesquisa de campo tem dessas coisas, quanto mais você se familiariza com o lugar e obtém a confiança das pessoas, o relógio marca a hora do retorno. O tempo nunca é suficiente. No entanto, ficamos com as melhores lembranças para as atenções recebidas e muito mais para as informações que acessamos", concluiu a pesquisadora.

Entenda mais dos casos de mutilação de gado investigados pelo Visión OVNI na Argentina.

Fonte: Visión OVNi 

Já está no ar a Edição 261 da Revista UFO. Aproveite!

Setembro de 2018

Nikola Tesla e a Vida Extraterrestre

UPDATED CACHE