Nova etapa, novos desafios
Edição 208

Nova etapa, novos desafios

04 de May de 2018

Durante o V Fórum Mundial de Ufologia (II UFOZ 2013), realizado pela Revista UFO em Foz do Iguaçu, em novembro passado, um novo e muito importante passo foi dado na direção da abertura ufológica pelos pesquisadores brasileiros e de mais de 10 países ali representados: a emissão da Carta de Foz do Iguaçu 2013, que, diferentemente da lançada no ano anterior, que visava alcançar a liberdade total de informações sobre discos voadores em nosso país, agora leva a questão para um foro internacional. O documento, assinado por todos os conferencistas e participantes do evento, é mais uma fase da campanha UFOs: Liberdade de Informação Já, iniciada em 2004 pela Comissão Brasileira de Ufólogos (CBU) e que teve êxito em fazer o Governo reconhecer a seriedade da questão e abrir 4.500 páginas de documentos antes secretos ou sigilosos sobre discos voadores no país. A pretensão agora é que o mesmo ocorra em escala global, tendo o Brasil à frente da reabertura das discussões sobre o tema na Organização das Nações Unidas (ONU), encerradas nos anos 80. Os ufólogos estão confiantes no êxito da nova Carta, e você saberá a razão nesta edição.

Artigo da Capa

Com enorme plateia e personalidades nacionais e internacionais de 10 países tratando do que há de mais atual na Ufologia, o evento consolidou o alto nível das discussões sobre o tema no país e resultou na emissão de um documento destinado à ONU