CAPA

Quando os governos se envolvem com UFOs

Revista UFO | Edição 186 | 01 de Março de 2012

SHARE

PONTO DE ENCONTRO

Onde os Leitores da UFO se Manifestam

Ariel Sánchez

Surpreendeu-me a entrevista No Uruguai, Militares Pesquisam UFOs Há Mais de Três Décadas, e Sem Segredo, da seção Diálogo Aberto de UFO 185. O coronel Ariel Sánchez, da Força Aérea Uruguaia (FAU) e presidente da Comisión Receptadora y Investigadora de Denuncias de Objectos Voladores No Identificados (Cridovni), não mede palavras para mostrar que no país vizinho a questão ufológica é tratada com a devida seriedade. Cadê nossos militares, que não fazem o mesmo?
Élcio Hernandez Canto,
São Paulo (SP)

A entrevista com o coronel Ariel Sánchez, presidente da Comisión Receptadora y Investigadora de Denuncias de Objectos Voladores No Identificados (Cridovni), publicada em UFO 185, deveria ser reproduzida e enviada aos militares de todas as nossas Forças Armadas, para que vejam com que rigor e mente aberta os uruguaios tratam dos discos voadores.
Regina Célia Boos,
por e-mail

Petição norte-americana

Parabenizo Stephen Bassett, consultor da Revista UFO e presidente do Paradigm Research Group (PRG), por lançar sua petição à Casa Branca, como consta do artigo que ele mesmo assina em UFO 185, A Negação da Casa Branca Provoca Reação na Ufologia Norte-Americana. São iniciativas assim que podem render lá o que a Comissão Brasileira de Ufólogos (CBU) fez aqui.
Érico Del Santo,
por e-mail

Cumprimento o ativista ufológico Stephen Bassett por sua ação contra a Administração Obama, através de sua petição, conforme nos mostra em seu artigo em UFO 185. E também sou da mesma opinião do físico e consultor da Revista UFO Stanton Friedman, em seu texto Em Sua Resposta, a Casa Branca Revela Desinformação, Mentiras e Incompetência, na mesma edição. No entanto, fico inclinado a concordar com Leslie Kean, quando, em seu box Contraponto: A Opinião da Jornalista Leslie Kean, afirma que não se pode pedir a um governo que reconheça “uma presença alienígena”, como se aliens já andassem em nossas ruas. Os termos da petição de Bassett foram inadequados — mas valeu a tentativa!
Jurandir Sousa Bastos,
Rio de Janeiro (RJ)

Agroglifos de Santa Catarina

A Revista UFO me surpreende a cada edição, cada vez melhor. Quanto à minha carta, publicada em UFO 184, agradeço ao consultor Thiago L. Ticchetti pela resposta. Mas, apenas complementando, acredito que os ETs, além de serem muito mais adiantados em relação aos humanos, estão diretamente ligados à nossa evolução, tendo acompanhado as fases do homem na Terra. Como estamos andando por caminhos perigosos, nos entregando a uma decadência acentuada, talvez tentem chamar a nossa atenção através de sinais nas plantações, que nos levariam a pensar de forma diferente.
Claudino Dalólio,
São Paulo (SP)

Excelente a matéria Os Agroglifos Catarinenses Voltam em 2011, Ainda Mais Surpreendentes, do pesquisador Antônio Fontenele, em UFO 185. Os fenômenos em Ouro Verde, Ipuaçu e região certamente significam algum tipo de mensagem cósmica.
André Luis Pereira,
por e-mail

A edição UFO 185 fez o que se esperava dessa revista: uma cobertura completa do mistério dos agroglifos, e não apenas em Santa Catarina, mas também no país vizinho, com o texto da colaboradora de UFO Mercedes Casas, Agroglifos Também na Argentina, e Com as Mesmas Características. Todos os autores estão de parabéns — e a Equipe UFO ainda mais, porque não apenas publica os fatos, mas os investiga.
Maria Inez Cunha,
Florianópolis (SC)

Excelente o desafio proposto pelo editor A. J. Gevaerd ao astrônomo Adolfo Stotz Neto, da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) na seção Em Foco de UFO 185 [Agroglifos, Preconceito e Ignorância]. Sua opinião medíocre sobre os agroglifos em seu estado espanta. Duvido que ele comprove o que afirma, pois contra fatos não há argumentos.
Danielle R. Oliveira,
por e-mail

Senhor Adolfo Stotz Neto devia fazer mais e falar menos. A cada ano os agroglifos se repetem em seu estado, e a cada ano menos ele sabe sobre o assunto e mais bobagem fala [Em Foco de UFO 185, Agroglifos, Preconceito e Ignorância].
Beatriz Cutolo Almeida,
por e-mail

Física dos UFOs

Gostaria de elogiar, mas a matéria A Física dos UFOs, de autoria de André Luiz Martins, em UFO 183, foi curta e estava um tanto confusa, sem o devido sentido científico que merece.
Mario Aulicino,
por e-mail

Sensacional o artigo A Física dos UFOs, da edição UFO 183. Como aluno de física na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), fiquei satisfeito com o tratamento dado ao tema. Sou apaixonado por Ufologia, mas gostaria de vê-lo tratado mais cientificamente — como agora fez o autor do texto, André Luiz Martins.
Demerval Teo Júnior,
Contagem (MG)

Bruce Maccabee

A excelente entrevista com Bruce Maccabee em UFO 183 [Evidências Fotográficas Confirmam Que Somos Visitados Por Outras Espécies, da seção Diálogo Aberto] é fechada com chave de ouro quando ele responde à pergunta sobre as críticas levianas que o Caso Ilha de Trindade vem recebendo de quem não o investigou: “Os céticos que hoje tentam derrubar o episódio taxando-o de fraude estiveram algum dia com Baraúna, frente a frente? Não, não estiveram. E assim, acho que não preciso dizer mais nada”. E nem nós.
Fernando A. Branco,
São Paulo (SP)

UFO em Trindade

Nunca tive a menor dúvida sobre o caso do UFO Em Trindade, artigo do coeditor Marco Antonio Petit, publicado na edição UFO 180. Trabalhei com uma das testemunhas do fato, o então marinheiro Manoel Beiro, que inúmeras vezes me reportou a cena que assistiu e marcou sua vidapara sempre. Como dizem os mineiros “não vamos ficar amassando barro”. Esse é um assunto verídico, sem contestações. Vamos dedicar o nosso tempo analisando outros casos ainda inexplicáveis.
Darci de Castro,
Belo Horizonte (MG)

Abertura brasileira

Tem razão o editor A. J. Gevaerd em manter seus questionamentos sobre os procedimentos da Força Aérea Brasileira (FAB) agora que, pelo menos alegadamente, há transparência no trato da questão ufológica em nosso país. Em seu artigo A Resolução da Aeronáutica é um Progresso, Mas Também Traz Dúvidas, de UFO 183, Gevaerd alerta para um fato que realmente causa espanto — os militares vão mandar para o Arquivo Nacional casos de discos voadores colocando em risco a segurança de voo de aeronaves, sem investigá-los e sem tomarem qualquer providência? Isso não é muito lógico.
Rogério Fontes Neto,
São Paulo (SP)

Experiências dos leitores

Mais uma vez estamos sendo enganados por nossos governantes. Nos dias 13 e 14 de outubro passado tivemos, o que me parece, uma grande aparição de UFOs no céu de Nova York, mas essa informação só ficou na internet por apenas uma hora. Até mesmo os sites conceituados de notícias tiveram os vídeos retirados, o que confirma ainda mais a preocupação das autoridades com o assunto, principalmente pelo fato de afirmarem se tratar de balões meteorológicos, uma grande mentira!
Paulo Campari,
por e-mail

Tenho muitos relatos de avistamentos de UFOs, e alguns chegaram a poucos metros de mim, quando tinha oito anos. Sempre gostei de Ufologia e quis trabalhar com isso. Estudo o Fenômeno UFO e histórias de antigas civilizações, pois, afinal, quero saber de onde a humanidade veio. Sou contra a hipótese de o homem ter vindo do macaco — acho que a ciência nessa relação está errada.
Fabrício Campos,
por e-mail

Em um final de semana, fui acampar sozinho em uma praia, e na primeira noite vi muitas bolas de cor azul cruzando o céu e em zigue-zague. De repente, percebi que havia algo grande em cima de mim, um possível UFO. Estou muito intrigado.
Cícero Benac,
por e-mail

Tenho desde criança uma marca parecida com uma queimadura de cigarro no braço direito. Meus pais nunca souberam explicar qual é a sua origem. Ao pressionar a marca, sinto algo que incomoda, como se fosse um grão de arroz. Tenho uma percepção muito aguçada e creio que por duas vezes tive um contato com seres estranhos — não visual, mas mental e físico de forma invisível.
Marta S. S. Wengorovius,
por e-mail

Tenho um parente, hoje com 56 anos e morador na cidade de São Paulo, que já passou por várias abduções em sua própria casa. Seu primeiro contato foi aos sete anos, quando o gramado de sua residência surgiu todo queimado. Com todos esses avistamentos, meu familiar entendeu que realmente não se tratavam de sonhos, mas de uma grande realidade. Ele deseja dividir as suas experiências — que se acentuaram nos últimos anos devido à globalização das informações.
Samantha Nunes,
por e-mail

Rodrigo Fuenzalida

A edição UFO 182 traz uma entrevista com o ufólogo chileno Rodrigo Fuenzalida, realizada por Wander Alcaraz, da Equipe UFO [A Ação de Seres Extraterrestres é Intensa e Desconcertante no Território Chileno], em que é dito que o entrevistado “tem um cargo raro no mundo, sendo consultor científico do Centro de Estudios de Fenómenos Aéreos Anómalos (CEFAA), a entidade da Força Aérea Chilena (FACH) dedicada à pesquisa ufológica”. Com o objetivo de reparar algumas informações e conceitos, peço e agradeço a publicação do esclarecimento de que o CEFAA é subordinado à Direção Geral de Aeronáutica Civil (DGAC) chilena, não à FACH. E que o senhor Fuenzalida não é e nunca foi consultor da entidade.
General Ricardo Bermúdez,
Presidente da CEFAA,
Santiago, Chile

O correspondente internacional da Revista UFO Rodrigo Fuenzalida esclarece: Essa é uma confusão que vem se repetindo há anos. Na verdade, fui consultor do ex-comandante da Força Aérea Chilena (FACH), general Ramón Veja, em um projeto que posteriormente deu origem ao Centro de Estudios de Fenómenos Aéreos Anómalos (CEFAA).

Os leitores comentam

Com certeza estamos sendo visitados há milênios. Mas o que vocês, da Revista UFO, não revelam é quem está nos visitando. A Bíblia diz que demônios são seres com poderes espetaculares e que estão preparados para uma invasão da Terra. No entanto, isso só se dará na sua forma mais completa e abrangente quando a Igreja subir aos céus, levada a encontrar o Senhor nos ares. Pensem nisso: UFOs não são coisa nova e Deus já revelou tudo isso aos seus queridos filhos fiéis.
Paulo Caetano,
por e-mail

O site da Revista UFO é uma ótima fonte de informação, ao qual sempre recorro no intuito de melhor compreender minhas próprias experiências com o insólito. Parabéns pelo excelente trabalho!
Luiz Mendes,
por e-mail

Essa é a primeira vez que escrevo para vocês e gostaria de parabenizar a Equipe UFO por manter uma publicação tão rica em informações para a Comunidade Ufológica Brasileira. Por outro lado, gostaria de fazer uma reclamação quanto ao preço da revista, R$ 16,90, que é um absurdo! Está certo que estudamos coisas que vêm de fora da Terra, mas não precisam elevar o preço da revista até as estrelas, não é?
João Luiz Silva Marta,
Barra de São Francisco (ES)

Quero parabenizar a Revista UFO pelas excelentes matérias ufológicas que vêm sendo publicadas.
José Luiz Delgado,
por e-mail

Meu nome é Matheus Luiz Alves e sou vereador mirim da cidade de Blumenau (SC). Por esse motivo, estou mandado esse e-mail como um pedido de autorização para usar algumas partes de textos do Portal da Ufologia Brasileira [ufo.com.br], o site da Revista UFO, para utilização no meu próximo discurso.
Matheus Luiz Alves,
Blumenau (SC)

Será que algum dia leremos na capa de uma futura edição da UFO a chamada Governo dos Estados Unidos Admite Que os UFOs Existem e Vêm de Outros Planetas? Mas acho que é querer demais que o país que implantou a política de sigilo aos UFOs de repente abra por completo seus arquivos secretos. Mesmo assim, não custa nada sonhar, não é?
Ricardo Luiz Nunes,
Curitiba (PR)

TERMÔMETRO DA EDIÇÃO ANTERIOR

Achei bem interessante e internacionalizada a edição UFO 185, de janeiro, com boas matérias e uma entrevista bem atraente com o militar uruguaio. Continuo fã de carteirinha da Equipe UFO e torço para seu sucesso.
Cilene Meller,
por e-mail

Não basta a gente ver na UFO todos esses artigos inócuos que falam da abertura ufológica brasileira, que é de mentirinha, e agora ainda temos que ler sobre essa petição que um gringo lançou lá nos Estados Unidos, que também não deu em nada?
César Cardoso Lopes,
por e-mail


Grande Ofertas Exclusivas da Revista UFO