Ufologia Norte Catarinense

Falso agroglifo foi descoberto em Bom Jesus - SC antes do Dia de Finados

Por Antonio Fontenele | 02 de Novembro de 2011

Créditos: Lorem Ispun

No ano passado, no dia de Finados, encontraram um agroglifo que se julgou ser falso, a princípio, por estar em um terreno irregular, mas depois constatou-se que o mesmo poderia ser autêntico a partir da análise de um professor aposentado do município de Galvão que visitou o local com um amigo.

 

Agora, temos essa nova ocorrência que mostra ser falsa porque as plantas e caules estão dispostos de forma irregular e quebrados, enquanto os autênticos agroglifos são \"acamados\" como citou o repórter Ivo Dohl.

 

Desta forma, a impressão que me dá é que, se este agroglifo for mesmo falso, quem o fez tinha o objetivo de chamar a atenção para a região novamente.

 

Isso me lembra a novela Roque Santeiro (que está sendo reprisada atualmente no Canal Viva da Globosat) onde o povo cultuava alguém vivo que “oficialmente” estava morto e as pessoas, que traziam muitas divisas e recursos para a cidade, vinham pedir graças ao “falecido” e deixavam muito dinheiro no comércio local. No caso da novela, poucas pessoas sabiam que o Roque Santeiro estava vivo, dentre eles o padre Hipólito, o prefeito Florindo Abelha, o comerciante Zé das Medalhas e o Sinhozinho Malta, que representavam, respectivamente, o poder religioso, o poder político, o poder comercial e o poder PODER. E se a população descobrisse o segredo, o mito cairia e a cidade iria à falência, principalmente os “poderosos” que eu citei.

 

Também posso exemplificar através de um “médium” que realmente tem um dom, mas que não controla seu dom e que só aparece esporadicamente. Aí, a expectativa gerada nas pessoas fazem com este médium às vezes tenha que “forjar” algo para poder atender estas expectativas, pois nem sempre sua mediunidade aparece com a freqüência esperada.

 

Mas isso são conjecturas minhas apenas e é por isso que eu compartilho estas idéias aqui.

 

Vamos aguardar o desenrolar dos fatos para poder julgar melhor o acontecido. E o Ivo Dohl, que já pesquisou aprofundadamente os agroglifos de 2008 e 2009, irá, com certeza, nos trazer mais novidades sobre o assunto.

 

Assim, Ivo, parabéns por nos deixar informados destas notícias da sua região!

Sobre o Autor

Antonio Fontenele

Este é o blog de Antonio Fontenele, tradutor da Revista UFO, onde farei os relatos da casuística ufológica passada, presente e espero que futura, do norte de Santa Catarina e do nosso estado também.