Edição 208
DESTAQUE

Levado por extraterrestres

Por
01 de Feb de 2014
Créditos: JOVANIR MEDEIROS

Travis Walton foi sem dúvidas o mais esperado conferencista do V Fórum Mundial de Ufologia (II UFOZ 2013). Programado para se apresentar no I Fórum Mundial de Contatados, que a Revista UFO promoveu em Florianópolis, em junho de 2013, infelizmente o abduzido não pôde comparecer por problemas com o visto brasileiro. Assim, a expectativa por sua palestra, intitulada Uma Lição Aprendida Diretamente com Seres Extraterrestres, foi ainda maior e lotou o auditório do Hotel Golden Tulip Internacional. Walton, como se sabe, é protagonista de um dos casos de abdução mais famosos do mundo, que virou até filme,Fogo no Céu [1993].

“Passei cinco dias a bordo de uma nave extraterrestre que me levou diante de seis testemunhas”, iniciou. Era noite de05 de novembrode1975 e seus colegas de trabalho Mike Rogers, Ken Peterson, Allan Dalls, Duane Smith, John Goulette e Steve Pierce voltavam com Travis Walton de uma jornada comum de trabalho em uma floresta do Arizona, quando o grupo observou uma intensa luz acompanhar a caminhonete. Aquilo se aproximou ainda mais e todos puderam observar um grande disco de metal parado no ar, quando Walton desceu do carro e foi em direção ao objeto.“Disseram que eu estava hipnotizado pela luz, mas na verdade eu queria mostrar minha coragem diante de meus colegas”, disse o abduzido.

Disparo de um raio elétrico

Mesmo assustado, Walton disse que foi um fenômeno lindo de ser contemplado. Então ouviu um ruído como uma espécie de carga elétrica se acumulando e a nave começou a subir.“Neste momento eu me ajoelhei diante daquela cena incrível”. Seus colegas gritavam para que ele retornasse ao carro, pois queriam sair dali imediatamente.“Quando eu decidi me levantar, senti uma luz tocar em mim e uma batida forte com um raio elétrico, que me desacordou”, lembrou. Assustados, seus amigos pensaram que ele havia morrido e que passariam pelo mesmo, e então fugiram do local. Porém, após andarem um pouco, decidiram retornar para resgatá-lo. Tiveram medo de encontrá-lo morto ou mutilado, mas, ao chegarem ao local, nem Walton nem o UFO estavam mais lá.

Apesar da hesitação inicial, o grupo foi à delegacia revelar o que tinha ocorrido, sendo recebido com total descrença. Prontamente o xerife da cidade deu início às buscas pelo corpo do abduzido na floresta, e, sem conseguir localizá-lo, passou a considerar os colegas de Walton suspeitos de sua morte. Como negavam firmemente, e por estarem em extremo pânico, eles foram submetidos a inúmeros exames e testes psicológicos — incluindo um detector de mentira. E todos os resultados revelaram que nenhum deles apresentava sinais de estar mentindo em seus relatos, o que levou o xerife a começar a tratar o caso como algo mais sério.

A verdade inegável

Travis Walton, para surpresa de todos, reapareceu desorientado em um posto de gasolina não distante de onde foi levado — mas cinco dias depois. “Eu tinha constante sensação de sufocamento e isso me dava ainda mais medo. Os seres me observaram o tempo todo e eram três, todos iguais. Tentei atingi-los com algum tipo de instrumento, mas não consegui. Eles me olhavam como se quisessem invadir minha mente. Eu tentava me esconder pelos corredores e salas da nave, sem sucesso”. Mesmo tentando reagir, Walton acabou desacordado. Quando despertou de seu pesadelo de cinco dias, que lhe pareceram apenas algumas horas, estava em uma estrada e correu até a cidade mais próxima.


Depois do seu retorno, ele foi acusado de ser usuário de drogas, desacreditado e ainda submetido a inúmeros testes psicológicos e a um detector de mentira, passando incólume por todos. Travis Walton mantém a mesma versão do caso há quatro décadas. Após ser dada como autêntica, sua experiência foi relatada na mega produção hollywoodiana Fogo no céu. “Mas os produtores modificaram um pouco o que de fato se passou, mostrando algumas distorções no filme, especialmente em seu final”, declarou. Sua serenidade marcou a todos no V Fórum Mundial de Ufologia (II UFOZ 2013), que agradeceram sua presença efusivamente.

Nova etapa, novos desafios

Já está no ar a Edição 208 da Revista UFO. Aproveite!

Feb de 2014

Fomos visitados