Edição 276
DESTAQUE

Ex-senador Harry Reid diz que alienígenas existem e pede aos políticos que não tenham medo

Por
18 de Jan de 2020
Frota de UFOs
Créditos: UOL

O ex-líder da maioria no Senado dos Estados Unidos Harry Reid fez mais do que qualquer outro legislador para apoiar a investigação de UFOs, diz que acredita em alienígenas e pede a seus colegas políticos que não tenham medo e investiguem o assunto.

 

Harry Reid foi o arquiteto de dois programas do Pentágono projetados para procurar e estudar UFOs, fenômenos aéreos não identificados e tecnologias avançadas de propulsão.

Os dois estudos chamados Programa Avançado de Ameaça e Identificação Aeroespacial (AATIP) e Programa Avançado de Aplicações de Sistemas de Armas Aeroespaciais (AAWSAP), receberam USD 22 milhões em financiamento entre 2007 e 2012, por meio de um orçamento negro obscuro do Congresso.

Ambos foram administrados por uma empresa chamada Bigelow Aerospace Advanced Space Studies (BAASS), que trabalhou junto com o Pentágono.

Desde que os programas se tornaram públicos em 2017, graças a uma investigação do jornal New York Times com o homem que dirigia o programa Luis Elizondo, Reid deu algumas entrevistas nas quais ele disse que quer se concentrar em "ciência", não "homenzinhos verdes"

Extraterrestres, UFOs e mísseis nucleares


Porta aviões nuclaer USS Nimitz.  Crédito: History

Em entrevista ao site Motherboard semana passada, o senador disse que acredita na vida extraterrestre.

“O mundo como o conhecemos hoje é extremamente grande. É tão grande que não consigo compreender. E acho que nós, como seres humanos, temos de ser um pouco míopes se pensarmos que somos a única espécie em todo o universo. Em todo o universo há com certeza mais de uma [espécie]”, disse ele.

Embora essa declaração, que não seja tão controversa já que reflete um ponto de vista defendido por muitos cientistas, ela não é adotada por muitos políticos e certamente não por alguém que tinha tanto poder quanto Reid. 


Senador Harry Reid Crédito: Vice

Quanto aos UFOs, o senador disse que acredita ser impossível separar o estudo de UFOs da busca por alienígenas:

“Eu não acho que você pode separá-los. Eu acho que tudo está em uma grande cesta. Aprendemos, com o trabalho que fizemos, que os avistamentos de fenômenos aéreos foram feitos ... por milhares de pessoas ... Sabemos que coisas incomuns acontecem ao longo de décadas regularmente e sabemos que uma instalação de lançamento de mísseis foi fechada por causa de um UFO. Conhecemos relatos na costa de San Diego, onde os navios encontraram essas coisas incomuns na água e interromperam as comunicações nos navios”, declarou Reid.

Seguindo em frente, sem medo


Pentágono, sede da Defesa dos Estados Unidos
Crédito: Pentágono

O senador também declarou que não se deve limitar as pesquisas sobre o assunto. “E repito agora, pela segunda ou terceira vez, que as pessoas não devem ter medo. Eu acho que muitos dos meus amigos legislativos têm medo de entrar nisso, porque alguém pensará que são malucos. Mas eu entrei e acho que não me machucou politicamente”.

Sobre a publicação oficial, pelo Pentágono, dos três vídeos da marinha já conhecidos desde 2017, Reid escreveu em seu Twitter que isso “apenas arranha a superfície da pesquisa e dos materiais disponíveis"

Infelizmente, grande parte desses programas permanece classificada. O Pentágono não tem sido muito sincero sobre a AATIP quando solicitado e declarou recentemente que o programa não tem nada a ver com UFOs. Reid, porém desmente e dia que era, sim um programa de estudos de UFOs.


Rancho Skinwalker. Crédito: Mystery Wyre

Grande parte da pesquisa foi realizada por Bigelow no infame Skinwalker Ranch, um ponto de manifestações paranormais, em Utah. Reid disse que nunca visitou o Skinwalker Ranch, mas que seguiu o programa de perto enquanto era senador.

Reid diz que, enquanto o programa estava em andamento, ele nunca insistiu em divulgar suas descobertas, e disse que acreditava que o Pentágono ou a NSA deviam estar fazendo esse tipo de trabalho porque não tinha certeza se uma agência civil como a NASA poderia fazê-lo. 

Mas ele acredita até hoje que estudar UFOs é um trabalho importante do governo que deve continuar a ser financiado: "Acho que os legisladores têm medo de fazer isso por medo de serem acusados ??de desperdiçar dólares dos contribuintes", disse ele. "Até mesmo alguns de meus funcionários me disseram para ficar longe de tudo isso”, completou.

 

Fonte: Vice  

Assista, abaixo, dois videos do senador Harry Reid:

A Ufologia e seus demônios

Já está no ar a Edição 276 da Revista UFO. Aproveite!

Jan de 2020

Fomos visitados