Edição 284
DESTAQUE

A Ufologia Mundial deve se organizar para o contato oficial

Por
25 de Apr de 2021
Instrumentos desenvolvidos pelos serviços de inteligência das grandes potências, desde a década de 50, mensuram como a humanidade reagirá à chegada deles
Créditos: RAFAEL AMORIM

Há muito tempo se fala que vários governos do mundo, em especial o norte-americano, teriam pleno conhecimento da presença alienígena na Terra. Também existem incontáveis pesquisadores do Fenômeno UFO que afirmam de forma definitiva que acordos foram feitos entre o fim dos anos 40 e começo dos anos 50 entre o governo dos Estados Unidos e os próprios extraterrestres, trocando a tecnologia destes pela permissão para realizarem abduções. Por todo o mundo, informantes que trabalham em agências de inteligência vêm denunciando há décadas que existem laboratórios secretos de pesquisa nos quais a presença de aliens é constante. Da mesma forma, denunciam que há protocolos de segurança e desinformação que são seguidos à risca para que qualquer vazamento sobre o assunto seja ridicularizado. Enquanto isso, os avistamentos, contatos e sequestros por extraterrestres em todo o mundo simplesmente não param.

Este texto, além de ser uma proposta, é também um pedido para a Comunidade Ufológica Mundial para que algo de concreto seja feito em relação ao iminente contato oficial e definitivo com outras espécies cósmicas. A proposição apresentada não requer recursos financeiros ou meios tecnológicos sofisticados — são necessários tão somente competência cultural e multidisciplinar, bem como o desejo de resolver tais problemas. Hoje, após quase 75 anos de Ufologia, o problema mais importante já não são os UFOs. Agora, a questão mais significativa para ufólogos de todo o mundo, de acordo com o pesquisador pioneiro italiano Alberto Perego, que foi o cônsul da Itália no Brasil, é responder às seguintes perguntas: quem os controla, de onde eles vêm e o que a presença deles significa para nós?

Avistamentos massivos

Desde 1979 a Força Aérea Italiana (FAI) vem monitorando os avistamentos de UFOs naquele país, por meio de seu Departamento Geral de Segurança, e já possui quase 400 dossiês oficiais de casos ufológicos ali ocorridos — todos de grande gravidade. Na França, igualmente, houve uma incrível onda de observações de naves alienígenas nos anos 50 e 60 que resultou em mais de 1.000 casos envolvendo pilotos, detecções por radares e até contatos com tripulantes de discos voadores. Por toda a Europa, e em muitas outras partes do mundo, naves-mãe em forma de cilindros são vistas e registradas em fotos e vídeos. Inclusive no Brasil revelações semelhantes abundam, dando conta da globalidade e iminência do Fenômeno UFO.

Em um caso extremo, em Roma, o citado cônsul Perego e outros membros do Governo Italiano viram uma esquadrilha com 40 UFOs chegando de direções opostas, em duas formações na forma de V, o que acabou por criar uma cruz grega sobre o Vaticano. Imediatamente após estes incidentes, outras formações de naves alienígenas foram detectadas pelos radares sobre a Inglaterra, em forma de ferraduras em paralelo e em forma de Z. Perego sugeriu que estas manifestações continham um significado simbólico. Por exemplo, a cruz grega sobre o Vaticano poderia significar paz, já que também é o símbolo da Cruz Vermelha, enquanto as outras três formações sobre a Inglaterra formavam uma equação definitiva: U = Z, sendo U o elemento químico que representa o urânio e Z a última letra do alfabeto, ligada ao conceito geral de término, fim.

Em outras palavras, como entendeu o cônsul, “bombas atômicas podem significar o nosso fim”. Perego não poderia desconfiar que nós descobríssemos em 1996, por meio do surgimento de inesperados documentos históricos, que discos voadores já tinham sido vistos e estudados intensamente pelo regime fascista italiano desde 1933, através do hoje conhecido Gabinete RS33, na época liderado por Guglielmo Marconi — e que esse fosse um dos grandes segredos de Mussolini.

TODO O CONTEÚDO DESTA EDIÇÃO ESTARÁ DISPONÍVEL NO SITE 60 DIAS APÓS A MESMA SER RECOLHIDA DAS BANCAS

Biden revelará os segredos dos UFOs?

Já está no ar a Edição 284 da Revista UFO. Aproveite!

Apr de 2021

Fomos visitados