ARTIGO

A Revista UFO volta à Amazônia para pesquisar novas ocorrências

Por Equipe UFO | Edição 253 | 01 de Dezembro de 2017

Anavilhanas é o local onde residem Raimundo Correa e o barqueiro José Silva, ambos testemunhas de UFOs
Créditos: WWF

A Revista UFO volta à Amazônia para pesquisar novas ocorrências

O editor da Revista UFO A. J. Gevaerd e o colaborador da publicação Adonai Zanferrari, acompanhados da ufóloga amazônida Umaia Ismail, estiveram por alguns dias em novembro na região do Arquipélago de Anavilhanas, cerca de 200 km a oeste de Manaus, em uma nova expedição em busca de recentes casos ufológicos, que são abundantes ali. A equipe visitou várias comunidades ribeirinhas próximas à cidade de Novo Airão, onde são regulares os avistamentos de objetos não identificados, inclusive submergindo e emergindo dos caudalosos rios da área.

O procedimento de pesquisa da equipe foi muito simples, como em vezes anteriores em que o editor esteve na região: abordar os ribeirinhos em suas residências com perguntas sobre possíveis avistamentos de luzes e objetos insólitos. O resultado é surpreendente: 10 a cada 10 pessoas questionadas informaram ter visto estranhos fenômenos, em geral luminosos e à noite, nos rios, matas e principalmente nos igarapés da área, que são como afluentes de rios. Este é o caso, por exemplo, do senhor José Santos da Silva, de 56 anos, o “Zezão”. Ele é piloto de voadeiras, as lanchas de alumínio usadas para se alcançar locais ao longo do rio.

Zezão [Foto ao lado] foi quem conduziu a equipe da UFO pelas comunidades ribeirinhas, que conhece como a palma de sua mão. Em dado momento revelou que teve ele próprio um avistamento de algo estranho e assustador. “Eu estava com uns colegas pescando e vimos aquela luz. Quando eu a foquei com a lanterna, ela veio na minha direção em disparada. Só pensei em fugir e corri dali o mais rápido que eu pude. Não se pode focar aquilo”. Isto também aconteceu ao senhor Raimundo Amorim Correa, aposentado, 57 anos. Ele mora no Igarapé do Sobrado e diz que ali quase todo mundo já viu esta luz. “Ela assusta gente.

É melhor ficar longe dela”.

Para continuar lendo este artigo, você deve se cadastrar no Portal UFO. O cadastramento é gratuito e dá acesso a todo o conteúdo do site.

Login

Compartilhe esse artigo:

Sobre o Autor

Equipe UFO

Comentários