NOTÍCIA

Novo planeta encontrado é um gigante de gás maior que Júpiter

Por Mel Polidori | 08 de Agosto de 2018

Ilustração do planeta SIMP J01365663+0933473
Créditos: Chuck Carter/NRAO/AUI/NSF

Novo planeta encontrado é um gigante de gás maior que Júpiter

Cientistas detectaram um novo planeta a cerca de 20 anos-luz da Terra. É a primeira vez que um objeto de massa planetária foi localizado além do nosso Sistema Solar usando o radiotelescópio Very Large Array (VLA), que está no Novo México, nos Estados Unidos. Nomeado de SIMP J01365663 + 0933473, este planeta foi inicialmente avistado em 2016, junto com mais quatro planetas. Segundo o periódico The Astrophysical Journal, ele tem uma massa que permite a formação de bastante pressão de gás, o que explica, em parte, porque a temperatura da superfície está em torno de 825°C.

Um planeta interestelar é um objeto de massa planetária que não está mais em seu próprio sistema e não possui vínculo com nenhuma estrela anã marrom - corpo celeste - ou outro objeto que orbita o universo. O SIMP é considerado jovem, com aproximadamente 200 milhões de anos. Especialistas o consideram grande, mas não tanto quanto uma anã marrom. Além disso, a massa dele é estimada em 12,7 vezes maior do que a massa de Júpiter.

No estudo realizado pelo Instituto de Tecnologia da Califórnia, foi identificado que o campo magnético de SIMP é 200 vezes mais forte que o de Júpiter. É potencialmente gerado pelo movimento de partículas carregadas que estão em algum lugar dentro de suas camadas nebulosas, semelhante a como o Sol obtém seu próprio campo magnético. O novo planeta interestelar emite um poderoso sinal de rádio auroral, que o VLA captou em primeiro lugar. As auroras, não importa onde estejam, parecem requerer não apenas um campo magnético, mas o vento solar, ou seja, um fluxo de partículas carregadas para se formarem.

Veja o artigo do Periódico The Astrophysical Journal sobre o SIMP

Descoberto exoplaneta próximo que pode ser o melhor candidato a abrigar vida extraterrestre

Estranhos sinais de rádio captados em estrela a 11 anos-luz

Estrela quase tão antiga quanto o Universo é encontrada por brasileiros

Descoberto outro sistema solar com oito planetas

Livro: Dossiê Cometa

DVD: Buscando Vida Fora da Terra

Enquanto cientistas de diversas áreas buscam respostas para a origem e o futuro da humanidade terrestre, a exobiologia vasculha vastas regiões do universo à procura de outras formas de vida. Com exuberantes imagens obtidas pela NASA e usando avançados recursos de computação gráfica, este documentário mostra como seriam as espécies que encontraremos no espaço e deixa claro que esta é apenas uma questão de tempo.

Compartilhe essa notícia:

Saiba mais sobre este assunto na edição 259 da revista

Comentários