ARTIGO

ETs estariam tentando evitar nossa autodestruição?

Por Equipe UFO | Edição 202 | 01 de Julho de 2013

O professor Wilson Picler no telão do Clube Nacional da Imprensa
Créditos: PRG

Convidado por Stephen Bassett a expor seus pontos de vista sobre vida extraterrestre, o professor e suplente de deputado federal paranaense Wilson Picler, conselheiro especial da Revista UFO, inaugurou o painel da representação sul-americana nas Audiências Públicas sobre Abertura. Eloquente, Picler faz um pronunciamento contundente na ocasião, ressaltando a necessidade de tratamento oficial e científico ao Fenômeno UFO.

Único político em atividade no evento de Washington, disse que os depoimentos dos militares naquela ocasião foram reveladores. “Já havia aqui material suficiente para concluir que estamos sendo visitados por extraterrestres desde a Segunda Guerra Mundial, após as detonações das bombas atômicas sobre o Japão”, disse o parlamentar concordando com as manifestações de Robert Salas e outros.

Argumentou que a última detonação atômica com finalidade de teste foi realizada pelos russos em 1960, com uma bomba denominada de Tzar, na qual estava escrita a frase “Nós vamos mostrar a vocês”, em referência aos Estados Unidos, que também haviam detonado um artefato semelhante, mas menos potente, pouco antes. Quando o teste dos russos foi realizado, chegou a quebrar vidraças em lugares longínquos da Finlândia e Noruega. “O poder da Tzar foi de 50 mil quilotons, o equivalente a 50 milhões de toneladas de dinamite e mais de 3 mil vezes o da bomba de Hiroshima, que foi de 15 quilotons”.

Recado à humanidade

“É por isso que os extraterrestres vieram à Terra. O tamanho da insanidade de nossos líderes chamou sua atenção diante da possibilidade de a espécie humana se autodestruir”. Picler argumentou que em 1985, no auge da Guerra Fria, o mundo chegou a contabilizar 68 mil ogivas nucleares e que atualmente se estima que exista algo em torno de 6.000 delas ainda operacionais. “O que também precisa ser mais bem esclarecido é a potência dessas armas, porque podem ter sido reduzidas em quantidade, mas os governos podem ter aumentado sua capacidade”.


“As autoridades escondem a questão extraterrestre da população mundial porque nossos visitantes demonstram uma capacidade tecnológica muito além de nossa compreensão, podendo interferir em todo o tipo de equipamento terrestre, inclusive nos nossos sistemas de armas atômicas”. Ele finalizou sua fala questionando se os extraterrestres de hoje não seriam os anjos do Apocalipse descritos na Bíblia.


Para continuar lendo este artigo, você deve se cadastrar no Portal UFO. O cadastramento é gratuito e dá acesso a todo o conteúdo do site.

Login

Sobre o Autor

Equipe UFO

Comentários